Sérum Uniformizador: uniformiza o tom, mas sem clarear a pele negra

Nossa fórmula atua diretamente no desequilíbrio da produção de melanina

Muito se fala sobre o uso de despigmentantes para tratar manchas. Quando o assunto vai para a pele negra, muita gente tem medo de alguns ingredientes e surge a dúvida: será que esse produto não vai clarear minha pele ou manchar mais? Já adiantamos que, no caso do Sérum Uniformizador, ele vai atuar apenas uniformizando o tom da pele e suavizando manchas, sem clarear a pele negra.

+ Como inserir o retinol biomimético na rotina de skincare?

Manchas na pele negra

Já conversamos por aqui especificamente sobre manchas na pele negra e todos os pormenores que envolvem esse tema. E é super importante lembrar que, ao contrário do que muita gente acredita, é um mito que pele negra tem maior facilidade em perder sua pigmentação e manchar com o uso dos ácidos, por exemplo. O que acontece é que, na pele negra, uma reação a determinados ativos aparece mais do que na pele branca.

+ Afinal, como as manchas se formam?

"Quando uso um ácido que age na pigmentação, ele atua na mancha mas também na melanina da célula normal. Ver a diferença de tons de uma pele negra para uma branca é muito mais fácil. A pele branca, quando irrita com ácido, pode ser que não dê um efeito aparente, que você não consiga ver. Mas a pele negra, quando você irrita, mancha como reação", explicou a Dra. Camila Rosa, dermatologista especializada em pele negra.

A Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve, alerta que não há ingredientes usados em uniformizadores que são contraindicados para pele negra. “Todos podem ser utilizados desde que na concentração e posologia adequada. É importante levar em consideração a sensibilidade maior da pele negra, precisando de hidratação adequada e sabonetes gentis para evitar inflamações e irritação da pele. Uso do protetor solar também é fundamental”, apontou.

+ A Dra. Monalisa Nunes responde tudo o que você sempre quis saber sobre pele negra

“Aqui no Brasil, os cosméticos não têm potência para clarear a pele negra. Alguns poucos medicamentos uniformizantes podem levar a esse clareamento, mas como efeito colateral de um uso prolongado e inadequado. Fazendo esse uso com cosméticos ou com medicamentos com acompanhamento profissional esse clareamento não ocorre”, completou ainda a nossa especialista.

Por isso a importância de consultar um dermatologista para entender direitinho do que sua pele precisa e qual tipo de mancha que você tem. Assim, o tratamento vai ser mais assertivo e seguro.

Sérum Uniformizador

Quando falamos do nosso mais novo lançamento, é importante ressaltar que ele age diretamente no processo de melanogênese, que é responsável por formar a melanina. Existem diversos mecanismos envolvidos na pigmentação da pele e diferentes desordens pigmentares.

+ Como o Sérum Uniformizador age antes, durante e depois da mancha

O sérum contém ativos que atuam nessas desordens que causam a hiperpigmentação por mecanismos diferentes. “De maneira geral, eles atuam diretamente no desequilíbrio da produção da melanina, e redução da atividade da enzima tirosinase, que participa do início da formação da melanina. Ou seja, esses ativos agem para equilibrar essas células alteradas, não para clarear a pele negra”, apontou Renata Ribon de Melo, pesquisadora do time de Pesquisa e Desenvolvimento da Sallve.

Inclusive, para comprovar que o Sérum Uniformizador não age clareando a pele negra, fizemos testes clínicos. Durante o estudo, foram feitas imagens padronizadas de alta resolução em um equipamento chamado VISIA CR (sistema facial da imagem latente para a pesquisa clínica). Nessa análise de imagem, constatou-se que não houve clareamento da pele negra (fototipos IV, V e VI). As imagens dos participantes da pesquisa foram feitas com 15, 30 e 60 dias de uso do Sérum Uniformizador.

Dentro da nossa fórmula, atuando para uniformizar o tom e melhorar a textura geral da pele e prevenir o envelhecimento precoce, temos:

  • Retinol biomimético: entre muitos benefícios, ele estimula a produção de colágeno tipo I e IV, além de elastina, que são imprescindíveis quando o assunto é firmeza da pele e aparecimento de sinais do tempo. Além de suavizar manchas, pois atua reduzindo produção de melanina, diminui a produção de alfa-MSH e também reduz regiões hiperpigmentadas.
  • Alfa-arbutin: é um derivado seguro da hidroquinona, ele atua inibindo a enzima tirosinase, que está envolvida na produção de melanina no nosso organismo.
  • Nanoácido tranexâmico: Nano encapsulado para penetrar melhor na pele e garantir toda a sua efetividade, ele ajuda a regular a atividade do melanócito e reduzir a recorrência de manchas.
  • Niacinamida a 5%: um ingrediente que é uma estrela! Ele reduz a pigmentação em excesso, além de ser antioxidante, calmante, hidratante, aumentar a síntese de colágeno e reduzir a oleosidade. Ufa!
  • Óleo de rosa mosqueta: é o respiro que sua pele precisava! Ele restaura a barreira cutânea (sim, aquela que te protege!), hidrata, cicatriza e ainda é antioxidante.

E aí: que tal inserir o Sérum Uniformizador na sua rotina de skincare?

Vamos lembrar que: consultar um (a) dermatologista, é sempre a opção mais correta e saudável para cuidar da melhor forma possível da sua pele, combinado?

Quer saber mais sobre algum assunto? Tem alguma dúvida ou sugestão? Fale com a Sallve. A gente adora trocar experiências!

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Loading
Login efetuado com sucesso!