Como é o tratamento de manchas e por que é a longo prazo?

Tem tudo a ver com ciclo de renovação da pele!

Tratamento de manchas é assunto frequente quando o assunto é pele: a uniformização da pele é um dos maiores objetivos quando falamos de nossas jornadas, e é aí que os dermocosméticos entram como aliados poderosos. Mas antes de começar seu tratamento, porém, é importante ter algo em mente: os resultados não são imediatos como tanta gente sonha. E por que isso acontece?

Tratamento de manchas

Para responder essa pergunta, é preciso pontuar que manchas são assunto super sério e, para determinar qual é o tipo que você tem, é necessário procurar um dermatologista, que vai indicar um tratamento específico para atuar nela. Nunca é demais lembrar: não tente tratar manchas por conta própria. Isso pode levar a um agravamento de quadro ou até despigmentação.

Outro ponto importante é entender que os dermocosméticos são feras em ajudar a uniformizar aquela macha que te incomoda, mas principalmente aquelas relacionadas ao melasma (manchas causadas pela radiação ultravioleta associada a hormônios), melanoses solares e hipercromias pós-inflamatórias.

Tratamento de manchas demora?

O tratamento de manchas - mais especificamente o processo de uniformizar o tom da pele - demora de 30 a 60 dias para começar a dar resultados. Sim, é lento mesmo: você não vai reparar a diferença assim que aplica um produto. Isso tudo tem a ver com o ciclo de renovação da pele.

O ciclo de renovação da pele se inicia na camada mais interna até chegar na camada mais externa, a epiderme. Por lá, as células mais superficiais são substituídas por outras, novinhas em folha.

+ Renovação Celular: o que é por que é tão importante

Esse processo todo leva em torno de 30 dias, sendo que o processo se torna mais lento conforme envelhecemos. É justamente por conta desse ciclo que levamos de 30 a 60 dias para começar a ver resultados nos tratamentos de manchas.

"Muitas vezes a mancha está mais profunda na epiderme ou até mesmo na derme, exigindo tempo para o tratamento agir e essa pele se renovar com a coloração normal. Outra questão é que o tratamento pra tirar a mancha de uma vez teria que ser muito agressivo, podendo até provocar uma outra mancha pelo processo irritativo, Logo, quase tudo com a pele é progressivo e mais lento", explica a Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve.

Tratamento de Manchas

Onde o tratamento atua?

Um outro ponto é que os dermocosméticos que usamos para uniformizar a pele têm ingredientes (o retinol, o arbutin, o ácido tranexâmico) que são capazes de alterar a melanogênese. E o que é isso?

A nossa pele tem diferentes tonalidades, como você já deve ter notado. Esse pigmento é conhecido como melanina, e ele é essencial na defesa do nosso corpo contra os danos dos raios UV. A melanina é formada nos melanossomas pelos melanócitos, num processo chamado melanogênese.

Quando a pele é exposta à radiação UV, a melanogênese é aumentada pela ativação de uma enzima chamada tirosinase, que vai ser responsável por oxidar o aminoácido essencial tirosina. O passo seguinte é a formação da melanina, que se subdivide em dois tipos: eumelanina (pigmento preto/ marrom) ou feomelanina (pigmento vermelho/amarelo). A proporção das concentrações de cada uma delas é que é responsável pelo fototipo de cada pessoa.

Esse pigmento todo se acumula em pequenas vesículas, os melanossomas, e são transportadas até os queratinócitos da superfície da pele, dando a coloração que conhecemos.

Como te dissemos ali em cima, os dermocosméticos usados para uniformização da pele e tratamento de manchas atuam justamente nesse processo de formação da melanina. Em geral, atuam inibindo temporariamente etapas que levam a produção de melanina, ajudando a suavizar manchas

Passos essenciais

Conversamos com a Dra. Monalisa Nunes e agora te contamos quais são os passos essenciais do dia a dia quando o assunto é o tratamento de manchas com dermocosméticos.

  • Limpeza da pele: "De preferência uma limpeza suave pela sensibilidade com o uso de ácidos e despigmentantes", explica a especialista.
  • Aplicação de antioxidantes
  • Despigmentantes para o dia, que podem ser usados junto com o antioxidante
  • Hidratante
  • Protetor solar com cor / Proteção solar física (chapéu, boné)
  • Noite: limpeza, hidratação mais potente com ativos calmantes, despigmentantes mais potentes, normalmente fotossensibilizantes.
  • Extras: Procedimentos (laser, peeling, microagulhamento)

Sérum Uniformizador

Nosso Sérum Uniformizador é apenas perfeito para quem deseja uniformizar o tom da pele, ajudando a suavizar manchas, já que atua diretamente no processo de melanogênese.

A fórmula conta com retinol biomimético, alfa-arbutina, nanoácido tranexâmico, niacinamida a 5% e óleo de rosa mosqueta. Além de atuar no tratamento de manchas, também melhora a textura geral da pele e previne o envelhecimento precoce.

Vale lembrar! Consultar um (a) dermatologista, é sempre a opção mais correta e saudável para cuidar da melhor forma possível da sua pele, combinado?

Artigos e estudos utilizados para este texto

Papel do metabolismo de triptofano e do interferon-y na melanogênese

Clareamento cutâneo: abordagens comprovadas na criação de produtos eficazes

Anais Brasileiros de Dermatologia

Fisiopatologia do melasma*

Signaling Pathways in Melanogenesis

Quer saber mais sobre algum assunto? Tem alguma dúvida ou sugestão? Fale com a Sallve. A gente adora trocar experiências!

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

  • Loading