Afinal, esses truques de redes sociais para a acne funcionam mesmo?

Conversamos com dermatologistas para entender melhor o que faz sentido nas trends com resultados mágicos para o tratamento de acne

Foto: Nathan Dumlao

Se você buscar uma lista dos apps mais baixados nos últimos anos, vai notar que as redes sociais têm presença garantida no ranking. São bilhões de downloads e usuários ativos mensalmente. Junto com fotos, vídeos, troca de mensagens e dancinhas, há também uma quantidade imensa de trends e informações, que abordam os mais variados assuntos e temas.

+ A revolução da maquiagem pelo olhar do TikTok

Sabia que, atualmente, quando uma música vira trilha de algum desafio ou trend, ela imediatamente sobe para o topo das paradas do Spotify? Pois é. Tem impacto na moda também: você pode nem saber, mas fatalmente já consumiu os frutos do estouro da estética Kidcore ou Cottagecore - e nem precisa ter conta em alguma delas para isso.

+ Clowncore e a liberdade por trás da imagem do palhaço

Redes sociais e a pele

O número de conteúdo sobre pele, por sua vez, é massivo. Tags como #skincare acumulam mais de 52,4 bilhões de visualizações no TikTok e mais de 83,3 milhões de publicações no Instagram, por exemplo. Enquanto #skincareroutine, #skincarehacks (truques de skincare, em tradução livre) e #beautytips seguem o mesmo caminho em números gigantescos, que refletem em uma infinidade de trocas de informações.

+ Brincar de cirurgia plástica? O Instagram diz não

O interesse é real, e vai muito além de compartilhar os tão famosos tutoriais de maquiagem: agora, o que há de mais quente quando o assunto é beleza, é disseminar truques que prometem efeitos incríveis e instantâneos para a sua pele. Parte desse conteúdo pode até partir de especialistas em pele, como dermatologistas, mas em sua grande maioria, porém, eles começam a se proliferar vindo de usuários sem embasamento científico, pesquisa ou até dados suficientes.

+ O efeito filtro e os padrões de beleza das redes sociais

A conversa é uma ótima oportunidade de lembrar que o começo de qualquer tratamento é o acompanhamento médico: "Na área da beleza, os conteúdos estão sendo consumidos, geralmente, sem muito critério. Itens como limão e até refrigerantes, por exemplo, são frequentemente usados com a promessa de afinar, uniformizar e rejuvenescer a pele. O que na maioria das vezes não é comentado, porém, é que esses produtos podem causar queimaduras, além de manchas escuras, quelóides ou irregularidades na superfície da pele”, analisa Dra. Roberta Padovan, médica pós-graduada em dermatologia.

Acne: resultados em um passe de mágica

Dentro desse universo de informações sobre pele, um assunto desponta soberano: a acne. Tags com o tema em redes sociais tem bilhões de visualizações e, por lá, se encontra de tudo: pessoas dividindo suas dores ao cuidar da condição, outras mostrando a evolução de quadros, como é o uso de medicamentos e, óbvio, gente testando tratamentos em verdadeiros passes de mágica nas trends, que prometem acabar com todo o seu quadro de acne em uma semana. Informações desse último grupo parecem muito mais fáceis, imediatas e até mais viáveis do que procurar um dermatologista.

+ 8 mitos sobre a acne: desvendando para aprender a tratar

“Vejo que as pessoas estão sempre buscando soluções rápidas e mágicas, e muitas vezes não prestam atenção nos perigos. A pele é o maior órgão do corpo humano e exerce importantes funções de barreira de proteção. Danos nessa barreira podem trazer consequências sérias para o nosso corpo. Cada pele tem sua particularidade, que precisa ser levada em consideração: o tipo, a espessura, o fototipo, a sensibilidade. O local em que a pessoa vive também influencia, por causa do clima e da exposição ao sol. Todos esses fatores podem influenciar de forma positiva ou negativa o resultado final”, aponta Dra. Patrícia Mafra, membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Dra. Monalisa Nunes também percebe a busca pelo tratamento milagroso: “Essas trends também levam a acreditar que doenças de pele podem ser milagrosamente curadas em casa com truques, adiando tratamentos adequados".

+ #vivasuapele: Carol e a pele com acne

Pensando nisso, e fazendo esse recorte sobre a acne, resolvemos conversar com algumas dermatologistas para entender se há algum sentido por trás de algumas tendências famosas sobre acne e se elas escondem ou não algum perigo. Ou seja, um papo sincero, do jeito que a gente gosta.

Clorofila líquida

Uma das tendências que tem repercutido nas redes sociais é a de ingerir clorofila líquida – um “suco”, que é uma combinação de água, clorofila líquida e às vezes limão - durante uma semana para ver melhoras na pele, incluindo a diminuição da acne.

+ Alimentos que podem ajudar a manter a pele saudável

Mas embora a ingestão de clorofila possa ser recomendada para ajudar no bom funcionamento no nosso corpo, já que ela é rica em magnésio e possui altas propriedades antioxidantes, para a pele, e especialmente para a acne, ela não tem benefícios científicos comprovados, explica Dra. Monalisa Nunes: “A clorofila tem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias que são benéficas para o organismo, mas na pele não se tem, ainda, uma correlação direta e comprovada sobre seus benefícios", afirma a dermatologista, alertando que a ingestão em excesso de clorofila é prejudicial à saúde principalmente ao sistema gastrointestinal, por isso é preciso ter cuidado.

“É muito importante passar por uma consulta médica antes de ingerir qualquer substância ou suplemento que contenha clorofila pura"

Dra. Patrícia Mafra

Batata, afinal faz bem para a pele?

Outra tendência relacionada à acne que despontou foi a do uso de rodelas de batata sobre as espinhas por uma noite para ajudar a secar espinhas ou melhorar um quadro de acne ativa. Neste caso, fica bem fácil de entender como uma informação se transforma: a batata de fato tem componentes que podem fazer bem para pele, mas o resultado não é imediato e nem o tubérculo pode ser visto como sua fonte de tratamento. Além disso, não há estudos sobre sua atuação em quadros de acne.

+ 7 hábitos corriqueiros que podem causar espinhas

Dra. Roberta Padovan, médica pós-graduada em Dermatologia, explica melhor: "O tubérculo cru é carregado de nutrientes como potássio, enxofre, cobre, cálcio, vitamina B e vitamina C - elementos ideais para fazer uma limpeza profunda da pele, bem como eliminar toxinas. Ele possui também vitamina A, B1 e B2. O conjunto dessas vitaminas também ajuda na renovação celular, hidratação e tem função antioxidante”, afirma.

Receitas com rodelas de batatas cruas na pele são até bem antigas. A batata tem vários nutrientes que podem beneficiar a pele. No caso da acne, provavelmente, o enxofre deve ser o responsável pelo auxílio, mas não se tem comprovação científica ou estudos que embasem essa informação. O problema, aqui, é que podem surgir possíveis alergias e sensibilidades”

Dra. Monalisa Nunes

Pasta de dente e o milagre de secar espinhas

Essa é uma variação da tendência da batata, mas infinitamente mais conhecida: muito antes do advento da internet, a sabedoria popular já dava como certo que a pasta de dente é um ótimo secativo para espinhas. Mas como já te contamos aqui no blog, além de não ter essa função (afinal, é uma pasta para limpeza dos dentes), mas seu uso não é recomendado por outros motivos: “A pasta de dente possui muitas substâncias que podem causar dermatite de contato na pele. Portanto, além de não funcionar, ela pode causar uma lesão na pele onde foi aplicada. Pasta de dente não foi feita para ser aplicada na pele”, já alertou a Dra. Paola Pomerantzeff.

+ A obsessão pela shelfie e o skincare ostentação nas redes sociais

Mas por que parece funcionar em algumas pessoas? Quem explica é a Dra. Roberta Padovan: "A maioria das fórmulas contém agentes secantes, como bicarbonato de sódio e álcool. Porém, a concentração é bem maior do que a usada na pele, podendo levar ao ressecamento extremo e irritação. Sem contar com o entupimento dos poros pela espessura da pasta".

Quando a pele fica muito ressecada, temos o efeito rebote, produzindo mais óleo e piorando a acne. Portanto, ao usar pasta de dente em uma espinha, você pode acabar piorando sua acne".

Dra. Paola Pomerantzeff

Gelo melhora a acne?

As trends ainda garantem que passar gelo no rosto todo dia de manhã e todas as noites ajuda em quadros de acne. "O gelo na pele é uma prática muito utilizada pelas coreanas, conhecidas por terem peles bem cuidadas. O gelo ajuda a reduzir o inchaço, a melhorar a circulação local e a fechar os poros, além de melhorar o tônus da pele”, aponta Dra. Roberta Padovan.

+ Pele irritada: como acalmar, tratar e usar o tempo a seu favor

Para a acne, porém, o gelo não pode ser visto como tratamento: “No máximo, ele vai diminuir a inflamação, pois o frio é vasoconstritor e pode auxiliar no inchaço e vermelhidão, mas o gelo em si não vai ajudar na infecção bacteriana e nem na hiperqueratinização folicular da acne”, aponta Dra. Monalisa Nunes.

Mas chega a fazer mal para a pele? Bem, dependendo do seu tipo de pele ou do jeito que você aplica o gelo, pode sim. “Pessoas com pele sensível, avermelhada, com rosácea ou acne grave, podem ter uma piora no quadro”, aponta Dra. Roberta.

“O gelo na pele pode ser indicado para pessoas de pele normal, mas sempre embrulhado em algum tecido de algodão limpo. Nunca aplique direto na pele, porque você pode queimá-la”, complementa.

Dra. Roberta Padovan

O spray de água e sal marinho para curar a acne

Uma das tendências mais recentes é do uso de um spray caseiro feito de água e sal marinho para secar a acne. Há quem afirme que aplicar a mistura na pele curou completamente sua acne. A ideia, aparentemente, surgiu após alguns mergulhos no mar e a percepção de uma acne mais controlada na sequência. Dra. Denise Steiner, porém, afirma que a mistura de água e sal marinho feita em casa não se assemelha à água do mar, que pode sim ter seus benefícios para a pele: "A água do mar tem inúmeras outras propriedades que vão além do sal, e que vão desde a existência de algas a frutos do mar, passando pelas rochas... Tem tanta coisa envolvendo o que existe na água do mar que é complicado compará-la do mar com a água misturada com sal marinho".

+ É proibido proibir (ou: deixe quem tem cicatriz de acne viver!)

Segundo Dra. Denise, a água do mar pode mesmo ter algumas propriedades anti-inflamatórias ("tanto que você tem cremes de substâncias marinhas", ela pontua), mas nada cientificamente comprovado. Dra. Denise cita outros fatores que podem contribuir com a melhora da sua pele após o banho de mar: "Geralmente você fica mais relaxado quando está no mar, e isso pode pesar na acne. E o sal na pele geralmente, num primeiro momento, causa uma hidratação um pouquinho maior. Tem também como você cuida da pele depois, e que influencia: você lava melhor o rosto, por exemplo, passa um hidratante... Tudo isso pode estar interferindo".

"A água do mar pode sim ter propriedades anti-inflamatórias e acabar reduzindo um pouquinho a acne, mas jamais está resolvendo toda a problemática ao qual este quadro está relacionado, que é o funcionamento inadequado das glândulas, a ação hormonal e o crescimento de bactérias. Tudo isso contribui no desenvolvimento da acne". 

Dra. Denise Steiner

Microagulhamento pode ser feito em casa?

O microagulhamento, também chamado microneedling, é altamente compartilhado em variadas trends. Com seus rolinhos ou canetas em mãos, os usuários mostram como fazem a técnica em casa, prometendo um tratamento eficaz de cicatrizes de acne. A grande verdade é que o microagulhamento é realmente uma técnica incrível para a pele. Mas deve ser feito por um profissional, já que depende totalmente do conhecimento técnico: “Se quem está executando o procedimento coloca uma força excessiva e sem uniformidade, o resultado pode ser ruim. Se a pessoa que recebeu o tratamento tem uma pele muito sensível ou com fototipos mais altos (morenas ou pretas), a chance de surgirem efeitos adversos, como as manchas, é alta”, aponta Dra. Patricia. "É importante lembrar que o grau de desconforto varia de acordo com o paciente, com o dispositivo usado, com a escolha anestésica e com a intensidade do movimento na pele. Assim como o desconforto, o tempo de recuperação também é variável".

+ Medidas online que salvam a autoestima offline

Outro fator muito importante, que tantas vezes não nos damos em conta ao fazermos um procedimento do tipo sozinhos em casa? "Depois de fazer o microagulhamento, a pele precisa receber cuidados especiais durante algum tempo. Limpeza, hidratação e fotoproteção adequadas são fundamentais. É preciso ter cuidado ao manipular a pele e não se expor ao sol ou extremos de temperaturas”, completa a dermatologista.

“A nossa orientação é que somente médicos especialistas, dermatologistas ou cirurgiões plásticos devem realizar o microagulhamento. Podemos até fazer uma analogia do rolinho de agulhas com um pincel: ele é apenas o instrumento. O resultado final depende da habilidade e capacitação do artista, podendo ser uma obra-prima ou uma verdadeira catástrofe”.

Dra. Patrícia Mafra

É essencial entender o que é a acne

Dra. Denise Steiner faz um adendo importantíssimo sobre um fator importante nessa conversa: é importante entender o que é a acne e saber que não há cura milagrosa para o quadro: “A acne é uma doença inflamatória que tem vários graus. Ela pode ser somente um pouquinho de cravo e uma pele um pouco mais oleosa, relacionada ao período em que mudam os hormônios. Mas ela também pode ser grau 4, em que você tem realmente nódulos, cistos e abscessos, com inflamações extremas. É muito importante ressaltar que se trata de uma doença, que envolve crescimentos bacterianos anormais. É muito perigoso ficar falando em cura, em tratamento, e que tudo se resolveu".

Dá para tirar boas dicas das redes sociais?

Quando perguntamos para dermatologistas sobre a troca de informações na internet e se há possibilidade de pegar boas dicas em redes sociais, todo mundo concorda que essa relação pode ser benéfica, porém há problemas com a qualidade da informação.

+ Qual seria o antídoto para a gente parar de se comparar com os outros?

"A internet pode ser uma ótima fonte de informação, sim, principalmente para aquelas pessoas que não têm acesso a um médico dermatologista", afirma Dra. Patrícia. "Devemos sempre ter em mente que não existem produtos ou procedimentos milagrosos, e que existem riscos inerentes a determinados procedimentos e até mesmo o uso indevido de produtos. Todo tratamento, para ser efetivo, precisa ser individualizado. As trends podem ser uma boa fonte de informação para rotina de cuidados, mas não acredito que sejam boas para orientar o tratamento de alguma doença/injúria de pele".

As tendências de redes sociais são vilãs absolutas? Não. O que todas as dermatologistas afirmam, porém, é que o problema está mais na aplicação desta informação, e como ela pode ser seguida sem qualquer apoio profissional. Você pode descobrir milhares de dicas incríveis? Pode. Mas é importante sempre consultar um dermatologista, já que muitas delas podem não ter comprovação científica.

+ Como administrar o nosso tempo se estamos tanto tempo online?

"Somente um médico especialista será capaz de avaliar todas as questões e variáveis, indicando e conduzindo um tratamento adequado. O dermatologista saberá orientar, indicar, executar o tratamento e até mesmo tratar um possível efeito adverso, caso ele ocorra. Afinal, até mesmo uma esfoliação em uma pele sensível ou muito fina pode provocar efeitos adversos. O ideal é sempre procurar um dermatologista para avaliar o tipo de pele e a melhor indicação de tratamentos, seja para a realização em casa ou no consultório", pondera Dra. Patrícia.

Dra Monalisa encerra, com um complemento: o acompanhamento da sua pele com um dermatologista é essencial também para que você conheça sua própria pele, e, inclusive, ir ganhando mais autonomia na hora de consumir conteúdo na internet, com mais segurança, além de fazer compras mais assertivas.

"Existem sim truques e hábitos que não custam nada e ajudam a conquistar um rosto mais viçoso e equilibrado. Porém, temos que tomar muito cuidado, respeitar o tipo de pele. O barato pode sair caro”, termina Dra. Roberta Padovan.

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Loading
Login efetuado com sucesso!