Pele do corpo: as diferenças para se conhecer

Cada pedacinho da pele do corpo merece um cuidado mais que especial! <3

Já ouviu aquele papo de que você não deve usar um creme para o corpo no rosto e vice-versa? Pois é, isso não é história pra gente comprar mais produtos, não, tá? Explicamos: é que cada parte da nossa pele do corpo é diferente!

A pele do corpo

Sim, apesar de ser o maior e mais pesado órgão do corpo humano, ela não é igual em todas as partes dele. A das suas mãos não é igual a das suas costas, ou então, àquela super fininha ao redor dos seus olhos. A espessura e o pH da pele do corpo também mudam de região para região. E é por isso que ela tem necessidades diferentes em cada uma delas.

+ Quiz da Pele: você já descobriu do que sua pele precisa?

Para começar o papo, é bacana relembrar que a pele do corpo é formada por três camadas unidas: epiderme, a mais externa; derme, a intermediária, formada por fibras de colágeno, elastina e gel coloidal; e a hipoderme, a última delas, basicamente composta por células de gordura.

As glândulas

Além disso, a pele do corpo é rica em vasos sanguíneos, nervos, folículos capilares e glândulas. Para esse papo que vamos ter aqui, é bacana falar sobre duas glândulas:

  • Sebáceas: responsáveis pela liberação de sebo e não estão espalhadas por todas as regiões do corpo. O lugar que mais temos glândulas sebáceas é o couro cabeludo, o segundo lugar é o rosto. Para facilitar: “As glândulas sebáceas são mais concentradas de cima para baixo, à medida que descemos temos menos, por isso as pernas de todos costumam ser mais secas, por exemplo”, afirma a Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve.
  • Sudoríparas: liberam o suor através dos poros para a superfície da pele. Aqui, elas são divididas entre écrinas (encontradas no corpo todo) e apócrinas (encontradas apenas nas axilas, área genital e seios).

O pH

O pH da sua pele é bem importante e assim como vários outros pontos, ele também pode ser diferente em cada parte do corpo, podendo ser mais ou menos ácido. Mas antes de mais nada, vamos relembrar o que é pH da pele?

+ Como os produtos da Sallve ajudam a manter a barreira cutânea da sua pele íntegra

O pH é um valor que demonstra o quanto algo é mais ou menos ácido. Neste caso, ele indica o grau de acidez, alcalinidade ou neutralidade da sua pele. Ele é definido pelo equilíbrio determinado pela quantidade de água, sais minerais, gordura e ainda secreção das glândulas sebáceas e sudoríparas presentes na superfície da pele, que compõem a nossa camada externa de proteção da pele (manto lipídico).  A escala de pH (que vai de zero a 14) define seus três tipos:

Neutro: aqui, há um equilíbrio entre o grau de acidez e alcalinidade da pele. O pH, neste caso, é 7.

Ácido: é quando o grau de acidez é maior que a alcalinidade. O pH, neste caso, é inferior a 7.

Alcalino: neste caso, o grau de alcalinidade é maior que a acidez. Aqui, o pH é superior a 7. (pH igual a 7), ácido (pH inferior a 7) e alcalino ou básico (pH superior a 7).

Vale lembrar que fatores externos e internos podem ter impacto no pH da pele, além da área da pele do corpo e algumas doenças e condições de pele. Uma pele saudável, em geral, tem seu valor de pH em torno de 4,6 e 5,8, mas é sempre importante levar em consideração esses pontos.

+ Resultados visíveis, imediatos e a longo prazo da família Sallve

"Ter um pH levemente ácido contribui para que ocorra proteção bactericida e fungicida em sua superfície. Entretanto com o avançar da idade, o pH da pele torna-se cada vez mais neutro ficando assim mais suscetível ao crescimento de bactérias devido à acidez reduzida", já nos explicou certa vez a Dra. Liliana Bechelli Torloni, também dermatologista consultora da Sallve.

Tipo de pele

É claro que assim como no rosto, a pele do corpo também tem seu tipo, sua classificação (como seca, oleosa, mista, normal). Em geral, difere do tipo de pele do rosto.

+ Tipo de pele ou estado de pele? Entenda a diferença

“A pele do corpo é sempre diferente”, aponta a Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve. Por isso, é importante consultar um especialista para que ele possa te ajudar a identificar as particularidades da sua pele.

Dito isso, partiu entender um pouquinho mais sobre as diferenças da pele em algumas partes do nosso corpo?

Cabeça

A pele do couro cabeludo possuí muitos vasos sanguíneos, muitos folículos (dos fios de cabelos) e a maior quantidade de glândulas sebáceas, que estão sempre ligadas aos folículos. “Os pelos precisam do sebo para se manter saudáveis”, afirma a Dra. Monalisa.

+ Cabelo oleoso e pele oleosa: existe alguma relação?

Inclusive, aqui no blog a gente até já te contou qual o melhor jeito de higienizar e cuidar do seu cabelo e também do couro cabeludo. Um exemplo: água quente não é nada bacana, assim como na pele.

Rosto

Muito exposta aos danos da radiação UV, a pele do nosso rosto está mais suscetível ao envelhecimento precoce, por exemplo. Em geral, é dividida em quatro tiposoleosamistanormal, ou seca. O pH fica em torno de 4,6 e 5,8, como a maioria das partes do corpo.

Em comparação com o resto da pele, ela é a mais sensível. "A pele do rosto é mais fina e, ao redor dos olhos, é ainda mais. Apenas 0,5 mm de espessura contra 1,0 mm da pele 'normal'", explica a Dra. Paola Pomerantzeff, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD).

+ As 3 etapas essenciais de uma rotina de skincare

"A pele ao redor dos olhos é ainda mais sensível. A mímica facial causa as linhas finas nessa pele delicada, por exemplo. É preciso muito cuidado com essa região", aponta ainda a especialista.

Vale lembrar também que aqui temos uma alta incidência de glândulas sebáceas.

Mãos e pés

Nas mãos, a pele difere no dorso e na palma. Enquanto a primeira tem pouco tecido adiposo, a segunda é rica nele.

"As palmas das mãos têm pele mais grossa e possuem glândulas sudoríparas écrinas. Não tem pelos, nem glândulas sebáceas. A pele do dorso das mãos é bem mais fina, tem poucos pelos e pouco tecido adiposo", apontou a Dra. Paola.

Além disso, a pele das mãos possui pH menos ácido que outras partes do corpo, fazendo com que a acidez natural da pele fique prejudicada. Elas estão mais sujeitas a desidratação e ressecamento. Por isso, cremes hidratantes são tão importantes por aqui!

+ Mãos ressecadas: como combater o efeito do álcool em gel

Já os pés têm na sola mais tecido adiposo do que qualquer outra parte da pele do corpo. "Os pés absorvem todo o impacto do peso do corpo. Esse tecido adiposo funciona como um 'amortecimento' para absorver o impacto", explica a dermatologista.

Com o impacto, vale lembrar que essa região pode apresentar alguns probleminhas, como calos e também ressecamento, por isso capriche na hidratação!

Além disso, assim como as palmas das mãos, as plantas dos pés não têm pelos, nem glândulas sebáceas. A pele é ainda mais grossa que a das mãos.

Axilas

A pele das nossas axilas é sensível, devido ao atrito, falta de luz e ar. Elas são ricas em glândulas sudoríparas apócrinas. "Essas glândulas produzem o suor e são encontradas somente aqui, na área genital e nas mamas", contou a Dra. Paola Pomerantzeff.

+ Por que nossas axilas ficam escuras?

Além disso, enquanto o pH da maior parte da pele do corpo fica entre 4,6 e 5,8, nas axilas é 6,5. E qual o problema disso? "Essa redução na acidez deixa a pele das axilas mais suscetível ao crescimento de bactérias. Essas bactérias podem metabolizar o suor e fazer com que haja um odor forte e desagradável", explicou ainda.

Braços e pernas

A pele dos braços e das pernas não tem diferenças significativas em termos de pH ou espessura. "O que difere é só a concentração de glândulas sebáceas e folículos pilosos no caso das pernas. Não é mais espessa, nem tem diferença significativa de pH", explica a Dra. Monalisa Nunes.

Lembrando: as glândulas sebáceas são mais concentradas de cima para baixo no corpo, sendo o couro cabeludo a maior concentração delas. À medida que descemos temos menos, por isso as pernas costumam ser mais secas.

+ Fatores que podem ressecar a pele e como combatê-los

Vale ressaltar aqui cotovelos e joelhos, que são áreas que costumam ser mais ressecadas em todos.  Algumas vezes essas regiões ficam até esbranquiçadas, escurecidas ou acinzentadas.

As regiões dos joelhos e dos cotovelos têm mais elasticidade e estão em constante movimento. São áreas mais expostas a sofrerem agressões externas, como impacto, clima e atrito com roupas. Tudo isso por si só já favorece o ressecamento.

“Cotovelos e joelhos são mais ressecados, porque a camada córnea é mais espessa nessa região, e a epiderme toda é um pouco mais espessa. Então a pele é mais espessa e a camada superficial, que é impermeável (é só de queratina), também é mais espessa. E por quê? São áreas de atrito, que a gente precisa para atritar, como ajoelhar, se apoiar em estruturas e superfícies. A gente precisa que a pele dessa região seja um pouco mais resistente, mais rígida, para não ter fissuras, ferimentos e arranhões”, aponta a Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve.

Costas

Talvez você nem imagine, mas a pele das nossas costas também é diferente e tem suas particularidades. Por lá, temos glândulas sebáceas e é justamente por esse motivo que muitas vezes a oleosidade foge do controle. Com isso, enfrentamos acne na região, inclusive na vida adulta.

Cuidados gerais

E quais as diferenças principais nos cuidados que devemos ter com as áreas diferentes? Com a palavra, a especialista:

"Para cada área do corpo devemos levar em consideração a quantidade de glândulas sebáceas, consequentemente qual o grau de hidratação (manto lipídico), e se o pH é mais ácido ou não, para só assim indicar um hidratante mais ou menos 'pesado'".

Dra. Paola Pomerantzeff

De forma geral, a Dra. Monalisa Nunes indica uma rotina básica, mas essencial para manter a pele do corpo saudável como um todo.

  1. Limpeza: olá, banho! Lembrando sempre que a água quente não é amiga da sua pele.
  2. Hidratação: logo após o banho.
  3. Proteção solar: nas áreas expostas.

“Hidratação e proteção solar é o suficiente. Esfoliação leve esporadicamente também pode ser benéfico para uma renovação celular”, afirma ainda a dermatologista consultora da Sallve.

Aqui é bom ressaltar: os pés e mãos devem ser hidratados constantemente e podemos utilizar ureia, por exemplo, ou hidratantes mais pesados. Joelhos e cotovelos também merecerem um hidratante mais potentes, que evite o ressecamento excessivo. Oi, Hidratante Reparador!

Quando o assunto é rosto, já te contamos os passos essenciais do skincare aqui. Mas sempre bom lembrar: a face pode ser hidratada com séruns ou loções mais leves, e assim por diante. Além disso, a pele do rosto também se beneficia com uma rotina com ativos antioxidantes, por exemplo, por conta dos efeitos dos radicais livres.

“A pele do rosto é mais delicada, tem menor espessura e mais glândulas sebáceas, podendo apresentar uma oleosidade exacerbada que é muito incomum no corpo”, relembra a Dra. Monalisa.

A Dra. Paola Pomerantzeff ainda completa: "O ideal é usar produtos específicos para cada parte do corpo. Eles existem exatamente por isso, porque foram criados de acordo com as características de cada região.”

Família Sallve e o corpo

Antioxidante Hidratante Corporal é o melhor do tratamento para a pele do corpo, em uma loção cremosa de rápida absorção.

Sua fórmula une compostos antioxidantes (Vitamina E, Carnosina, extrato de café e o próprio óleo de semente de uva) a hidratantes como o Phytoesqualano, oferecendo uma série de benefícios com sensorial confortável e refrescante.

Além de oferecer hidratação prolongada, sua composição garante proteção de danos causados pela poluição, prevenção de sinais do tempo, melhora a circulação local e aumento da elasticidade. A Vitamina E, por ser um anti-inflamatório natural, também contribui para acalmar a pele, se tornando uma ótima pedida no pós depilação, por exemplo. Ela fica mais macia, mais hidratada e com zero sensação grudenta.

O nosso Hidratante Reparador é perfeito para cuidar de áreas ressecadas do corpo. Ele é um hidratante múltiplo, não comedogênico, que pode ser usado tanto no rosto quanto no corpo, nutrindo e acalma peles secas e sensibilizadas, reparando danos e restaurando regiões extremamente ressecadas. Ele repara regiões ressecadas como mãos, cotovelos e pés, reduz a vermelhidão, previne o acinzentamento e descamação e deixa a pele luminosa e com toque macio.

Sua fórmula combina ingredientes emolientes e umectantes poderosos como as ceramidas biomiméticas e pantenol, com propriedades calmantes e que auxiliam na reconstrução e cicatrização da barreira da pele, o alfa-bisabolol com ação anti inflamatória, calmante e antioxidante, a manteiga de karité, que hidrata criando uma barreira e reduz a perda de água, e os eletrólitos, para garantir o balanço hídrico da pele.

Formulado especialmente para peles sensíveis, secas e ressecadas, mas com benefícios comprovados em todos os tipos de pele, nosso Hidratante Reparador é um cremão vegano, sem silicone, sem óleo mineral e sem crueldade.

Quem também chega para cuidar do seu corpo é o Hidratante Antiatrito. Baseada em atritos reais, o Hidratante Antiatrito é um creme corporal diário para prevenção e tratamento de assaduras. Sua poderosa ação hidratante diminui a fricção entre as pernas, dobras de pele, a roupa e a pele, garantindo mais conforto e movimento no seu dia a dia. Com textura superleve que não mancha a roupa, ele age nas regiões já sensibilizadas, acalmando e auxiliando no processo de recuperação da pele.

Sua fórmula, com niacinamidaalantoína e manteiga de abacate, previne a formação de assaduras, acalma e recupera a pele já sensibilizada, auxilia na uniformização de tom e textura da região, não deixa a região esbranquiçada ou pegajosa, oferece hidratação corporal prolongada e facilita o deslize dos seus movimentos.

Vale lembrar! Consultar um (a) dermatologista é sempre a opção mais correta e saudável para cuidar da melhor forma possível da sua pele! 😉

Tem alguma dica, dúvida ou sugestão? Fale com a Sallve. A gente adora trocar experiências!

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Loading
Login efetuado com sucesso!