Quais os cuidados com a pele seca no inverno?

Já adiantamos que nosso Hidratante Reparador pode ajudar!

Atenção, unidos da pele seca! A gente bem sabe que o inverno pode ser uma estação desafiadora nos cuidados com esse tipo de pele. Por isso, hoje é dia de tirar dúvidas e dar dicas para que a relação da sua pele seca com o friozinho não seja tão difícil assim.

PELE SECA INVERNO

O que acontece com a pele no inverno?

De uma forma geral, a baixa umidade do ar, o vento e as baixas temperaturas fazem com que haja uma queda na nossa transpiração corporal. Só por isso, nossa pele já fica naturalmente mais seca.

+ Pele do corpo no inverno: os cuidados para mantê-la saudável

"A temperatura baixa provoca vasoconstrição nas extremidades, que é um encolhimento dos vasos da pele para que não percamos calor para o ambiente, que está mais frio, e mantenhamos a nossa temperatura corpórea. Esse reflexo de vasoconstrição causa um menor aporte de água, nutrientes e oxigênio para a nossa pele. Com isso ela fica mais sensível e sujeita a ressecamento, descamações e dermatites", aponta a Dra. Letícia Bertolini, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Fora isso, a gente pode somar alguns outros fatores externos, como banhos mais quentes, que aumentam ainda mais esse ressecamento por promoverem uma remoção da oleosidade natural, diminuindo o manto hidrolipídico.

+ Tônico na pele seca: essa combinação funciona?

Ou seja, se a pele já sofre um pouco mais no inverno, para quem já tem pele seca o ano inteiro, isso é de fato um fator ainda mais agravante.

Quais os cuidados com a pele seca no inverno?

A hidratação é a grande rainha desse papo. Com a palavra, a Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve: “No inverno, quem tem pele seca precisa de cuidados especiais, porque a estação tende a ressecar muito mais a pele. Então, você tem que, além de redobrar a hidratação, apostar em hidratantes mais potentes, mais densos.”

+ Por que sentimos nossa pele repuxar?

A especialista ainda alerta que é preciso evitar processos que desidratem ainda mais a pele, como banhos muito quentes ou muitos banhos por dia, o uso de sabonetes ou produtos muito adstringentes, além de limpezas de rosto muito frequentes. “Tudo o que você puder fazer para manter a pele mais hidratada, aponta a dermatologista.

+ Pele seca: 8 ingredientes amigos

Dra. Letícia Bertolini ainda dá uma outra dica importante:  beber água. "Quem já tem a pele mais seca sofre mais no inverno e precisa aumentar os cuidados com hidratação oral e tópica para não deixar a pele ressecar e abrir quadros de dermatite. Hidratantes específicos para face, lábios, mãos e corpo devem ter mais óleos e ativos hidratantes e menos perfume no caso de peles mais sensíveis. Ingerir muito líquido é muito importante, e precisamos ficar atentos a isso porque no inverno temos menos sede, já que suamos menos, e a tendência é que bebamos menos água."

Qual a melhor rotina?

Como te dissemos, o caminho é realmente manter a pele hidratada, fortalecer a barreira cutânea e, assim, evitar o ressecamento. A Dra. Monalisa Nunes costuma recomendar o uso de produtos em forma de creme, pomada, pasta ou manteiga, para pele seca receber essa hidratação mais potente. A qualidade da hidratação é muito importante, algumas vezes tanto ou mais do que a frequência.

+ Por que é tão importante hidratar a pele?

Em algumas situações, como no clima frio, pode ser necessário hidratar a pele mais do que uma vez ao dia. O ideal é sempre observar a sua pele e, claro, conversar com o seu dermatologista. “Você não precisa mudar sua rotina no inverno. Você precisa adequar os produtos. Então, você precisa usar sabonetes mais gentis, utilizar hidratantes mais potentes e o protetor solar pode ser o mesmo”, afirma.

"A melhor rotina depende de cada pessoa. Não tem uma receita de bolo. Mas, no geral, é você utilizar mais produtos hidratantes e adequar para rotina que você já tem. Por exemplo, se você usa tônico, use um mais hidratante. Se você só usa tônico mais adstringente, suspenda o tônico. Se você não usa tônico, não precisa incluir. É bem individual”, aponta.

O que deve ser evitado?

"Embora o inverno seja a época ideal para tratamentos com ácidos, quem tem a pele seca precisa priorizar hidratação. Até pode usar ácidos mas em concentrações menores ou os que não sejam irritantes, e sempre usando um hidratante para proteger a pele antes do ácido. Assim não há necessidade de evitar, mas usar com mais cautela", aponta a Dra. Letícia Bertolini.

+ É possível potencializar a hidratação?

A esfoliação também não é indicada pela dermatologista: "É um procedimento que remove a camada mais superficial da nossa pele mecanicamente, (nesse caso) deve ser reservado a quem tem a pele mais acneica ou oleosa, uma vez por semana no máximo, e deve ser evitado por quem tem a pele seca."

Hidratante Reparador: amigo da pele seca e sensibilizada

O Hidratante Reparador é um grande aliado da pele seca no inverno (e o ano todo). Ele é um hidratante múltiplo, não comedogênico, para rosto e corpo. Só ele nutre e acalma, repara danos e restaura regiões extremamente ressecadas.

Uma fórmula que combina ingredientes emolientes e umectantes poderosos, como as ceramidas  e o pantenol, com propriedades calmantes e que auxiliam na reconstrução e cicatrização da barreira da pele.

Além de alfa-bisabolol, com ação anti-inflamatória, calmante e antioxidante, manteiga de karité, que hidrata criando uma barreira e reduz a perda de água, e eletrólitos, para garantir o balanço hídrico da pele. Formulado especialmente para peles sensíveis, secas e ressecadas, mas com benefícios comprovados em todos os tipos de pele.

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Loading
Login efetuado com sucesso!