Kit sobrevivência da pele no Carnaval

Vem com a gente preparar um kit sobrevivência da pele no Carnaval! Reunimos uma série de dicas para você festejar com lindos poros.

Afinal de contas, o carnaval é agora ou em abril? Não importa em qual feriado, já que ele é prolongado, a gente sempre aproveita para fazer alguma baguncinha - contanto que ela seja responsável, né? Mas como se certificar que sua pele não vai ficar sofrida depois destes dias em que o álcool corre mais solto, assim como as noites sem horário para ir dormir e os dias em que a alimentação acaba ficando mais bagunçada? Vem que a gente te ajuda - sem colocar em risco a diversão.

Andy Falconer / Unsplash

Protetor solar

Esse é o clássico: não importa se você vai para algum bloco, levar os filhos numa matinê ou curtir a praia com amigos e está nublado: o protetor solar é sempre inegociável. E para retocar, olha lá: temos até uma versão miniatura dos nossos produtos com FPS, lembra?

+ Como passar protetor solar corretamente e reaplicar durante o dia

Maquiagem

A gente ama qualquer desculpa pra usar glitter e abusar de uma cartela de cores bem acesa. Aliás, essa semana vimos ideias super brilhantes e carnavalescas para você criar nesses dias de festa. Mas para não atrapalhar a diversão, a Sociedade Brasileira de Dermatologia indica: "use maquiagem e brilho de marcas de confiança para evitar dermatite de contato e alergia". Afinal, ninguém aqui quer sair da marchinha por conta de uma reação alérgica, né?

O problema é real e já vimos aqui no blog que existe um enorme mercado de maquiagem falsificada, além de produtos de segunda mão, que também não são seguros. Portanto, olho aberto! E quando o assunto é glitter, dê preferência aos biodegradáveis. Você se diverte e não faz mal ao meio-ambiente.

+ Quer aprender a tirar glitter depois do bloquinho? Ensinamos!

E falando em maquiagem...

Lembre-se que é importante retirá-la no final do dia: "Tirar a maquiagem antes de dormir é um dos passos mais essenciais do seu cuidado com a pele", afirma Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve. "A maquiagem tem substâncias que não foram feitas para serem absorvidas pela pele ou para ficarem sobre ela por longos períodos", explica Dra. Monalisa, citando o envelhecimento precoce como uma das consequências de teimar em dormir de maquiagem: "É que além da maquiagem, a gente ainda tem toda a poluição do ambiente que foi acumulada na pele durante o dia ou noite. Além disso, muitas das maquiagens, especialmente as que as brasileiras usam, acabam sendo muito oleosasoclusivas - ou seja, elas formam uma capa sobre a pele, que impede sua oxigenação adequeada e entope os poros. Esse entupimento de poros, por sua vez, gera as famosas espinhas e cravos."

Além disso, ela ainda cita dermatites e até manchas de pele que podem surgir quando você não toma esse cuidado de tirar sua maquiagem antes de dormir.

Vai uma bruma?

O spray de água termal é ótimo para manter a pele hidratada ao longo do dia. Quer mais aliados práticos? Enquanto a Bruma Calmante acalma a pele, a Bruma Reequilibrante controla a oleosidade enquanto ajuda a combater cravos e espinhas.

+ O que é uma bruma, como usar e quais são seus benefícios

Se beber, hidrate!

Lembra que a gente já te contou por aqui quais são os efeitos do consumo de álcool em excesso na nossa pele? Bem resumidamente, o álcool desidrata a pele: para metabolizar uma molécula de álcool, seu organismo precisa lançar mão de nove moléculas de água. E quando não há moléculas de água suficientes no corpo, ele as retira da pele. Some a isso a ação diurética do álcool e... adeus pele viçosa.

Para equilibrar essa ação, capriche na hidratação da sua pele, beba bastante água e antes de beber opte por alimentos que ajudam a hidratar o corpo de dentro pra fora.

+ Alimentos que hidratam a pele seca #dedentroprafora

Queimaduras

Além do cuidado com a exposição solar, redobre a atenção se consumir bebidas, sorvetes, picolés ou tiver contato direto com frutas cítricas e caju. O limão da caipirinha, por exemplo, pode causar queimaduras e manchas quando entra em contato com a pele exposta ao sol. Nesse caso, lave bem com água e sabonete e reaplique o protetor solar.

Ácidos

Se você costuma usar ácidos mas vai passar o dia expondo a pele ao sol direto, pode ser uma boa suspender o uso destes ativos apenas durante estes dias, ou deixando-os apenas para o uso noturno. Caso ainda vá começar a usar ácidos, que tal deixar para iniciar depois do feriado? Assim sua pele está recuperada e sua rotina mais regrada, e você pode perceber melhor como sua pele está reagindo ao tratamento.

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Login efetuado com sucesso!