Por que os cosméticos esfarelam na pele e o que fazer para evitar?

Sabe quando você passa um produto na pele e ele esfarela? Aqui você entende por que e aprende a evitar o efeito.

Sabe quando você passa um produto e ele forma pequenos grânulos incômodos, que parecem estar esfarelando na pele? Talvez você até já tenha passado por isso, e a gente aposta que a sensação não foi das melhores. O que já podemos adiantar é que os motivos para cosméticos (ou dermocosméticos) esfarelarem na pele são muitos, e evitar alguns deles é relativamente simples.

cosméticos esfarelam

Por que o cosméticos esfarelam?

Para falar sobre ao assunto, conversamos com três especialistas, o Dr. Daniel Cassiano, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologista, a farmacêutica industrial Maria Eugênia Ayres, especialista em farmacologia clínica e atuante no setor de cosméticos, e a nossa Renata Ribon de Melo, pesquisadora sênior da equipe de Pesquisa e Desenvolvimento da Sallve.

+ Quem faz os produtos da Sallve? Conheça nossa equipe de Pesquisa e Desenvolvimento

Os três apontaram 5 principais motivos para o esfarelamento dos produtos tópicos na pele. Anota aí:

Aliás, o Dr. Daniel Cassiano ainda faz um alerta sobre uma confusão comum de alguns pacientes. “Renovadores celulares (como ácidos e/ou alfa-hidroxiácidos) muito potentes podem descamar a pele, o que se confunde com esfarelamento”, explica. Por isso, atenção à sua rotina de cuidados e sempre consulte um dermatologista caso tenha dúvidas.

Esfarelou: isso é problema?

Na verdade, sim. Se um produto esfarelou na sua pele, significa que houve um problema de absorção. “Quando um produto esfarela no rosto, ele não vai cumprir sua função. Um filtro esfarelado não vai proteger contra a radiação solar, por exemplo”, exemplifica o Dr. Daniel.

+ Usar maior quantidade de produto garante um melhor resultado?

“O esfarelamento ocorre quando o produto não é bem absorvido pela pele, ou não tem a formação efetiva do filme sobre a pele. É como um esmalte sabe? Se você, por exemplo, atrapalha a secagem da película dele na unha, ele quebra”, aponta Renata Ribon de Melo.

O que fazer para evitar?

As soluções são muitas e variam de acordo com os motivos. Aqui vão algumas dicas preciosas!

  • Hidratação em dia e nada de esfoliar demais a pele: Quando falamos de pele seca ou ressecada, o indicado é consultar um dermatologista para saber melhor o que está acontecendo. Mas vale ressaltar que hidratação é muito importante para esse tipo de pele. “Uma pele bem hidratada está preparada para receber os ativos”, alerta o Dr. Daniel Cassiano. Um outro ponto comum, que envolve a pele ressacada, é a esfoliação em excesso. Muita gente acredita que esfoliar a pele demais é causa direta do esfarelamento de cosméticos, mas não é bem assim.  “A esfoliação excessiva é causa de ressecamento da pele, já que a barreira cutânea é fundamental para diminuir a perda de água transepidérmica. A xerose cutânea é causa de esfarelamento de produtos”, explica o dermatologista.
  • Não passar uma quantidade exagerada de produto na pele: fique atento as recomendações do fabricante do cosmético, siga as orientações e não abuse da quantidade de produto.
  • Espere um produto secar para aplicar o próximo: já falamos sobre esse assunto aqui no blog: “Cosméticos aplicados na sequência, sem que um deles seque antes de aplicar um produto por cima, pode causar ‘rolling’, que é quando a primeira camada não 'absorveu' totalmente na pele e , durante a aplicação do produto seguinte (com a fricção) você sente o produto esfarelar”, aponta a farmacêutica Maria Eugênia Ayres.

    + Qual é a ordem de uso de todos os produtos da Sallve?

    "Cada produto é formulado pensando na formação de um filme e da absorção em uma pele limpa. O ideal é aguardar de 30 a 60 segundos para aplicar o produto seguinte na rotina de skincare", explica ainda a nossa pesquisadora Renata Ribon de Melo.

    O Dr. Daniel Cassiano ainda dá uma dica para os apressadinhos: “Entre uma camada e outra pode usar um ventilador portátil para acelerar o processo.”
  • Atenção na ordem de aplicação de produtos: a gente sabe que esse assunto rende discussões e discussões na internet e é sempre uma das maiores dúvidas da nossa comunidade. E, apesar de tantas explicações aprofundadas, a melhor forma de entender a ordem que você deve seguir é encará-la de forma simples e objetiva. Dessa forma fica bem fácil: comece da textura mais leve para a mais pesada / densa, terminando, invariavelmente, com o protetor solar.

    Essa regrinha está mais associada ao sensorial mesmo. Uma textura mais levinha é absorvida mais rápido, e isso vai facilitando a aplicação dos produtos seguintes", explica Renata Ribon de Melo, do nosso time de pesquisa e desenvolvimento.

    Para gravar a ordem do skincare: líquido, sérum, gel, loção cremosa / creme. Começando sempre pela limpeza da pele e terminando com a proteção dos raios solares. Ou seja, traduzindo em produtos: limpador, tônico, sérum, creme para os olhos, tratamentos localizados, hidratanteóleo (se você usa). E finalmente, protetor solar.
cosméticos esfarelam

Cosméticos esfarelam por problemas na fórmula?

Na verdade, não é bem assim. Não é um problema da fórmula em si. “Cosméticos a base de gel ou com grandes quantidades de silicones apresentam uma tendência maior ao esfarelamento quando muito friccionados pois formam uma película fina na pele. O ideal é aplicar estes produtos de maneira uniforme, sem muita fricção e aguardar a absorção dos mesmos”, explica Maria Eugênia Ayres.

+ Conhecendo a textura de todos os produtos da Sallve

O Dr. Daniel Cassiano faz coro: “Não é um problema propriamente dito. Componentes físicos (óxido de zinco, dióxido de titânio, óxido de ferro, sílica), principalmente quando colocados em veículos para pele oleosa (gel, sérum) com efeito mate têm maior chance de esfarelar quando friccionados, após a evaporação da água. Uma dica é borrifar água termal antes de aplicar esses produtos.”

Protetores solares tem mais tendência a esfarelar?

A gente sempre vê por aí algumas pessoas reclamando que alguns protetores solares esfarelam. Quem explica melhor o motivo disso poder acontecer com algumas fórmulas é a Renata Ribon de Melo, nossa pesquisadora sênior: “O protetor solar é formulado para formar o filme na pele e ficar somente ali, para que tenha proteção. Por isso é mais comum o filme não formar bem e ter o rolling.”

+ Gel, creme, sérum, sérum-gel, óleo, spray: conheça as diferentes texturas de cosméticos

“Outro fator é que as matérias-primas utilizadas em protetor solar (os filtros UV) são bem oleosos e, para melhorar o sensorial, os formuladores utilizam o que chamamos de modificador sensorial. Essa "classe" de matéria-prima quando usada em excesso, também pode causar o rolling”, completa.

Aqui vale lembrar: o protetor solar é sempre a última etapa da rotina de skincare. Combinado?

Protetor Solar FPS 60

Você já conhece o nosso Protetor Solar FPS 60? Com acabamento hidratante e invisível na pele, ele tem uma fórmula única, que deixa um toque macio combinado com o viço que já é uma assinatura da Sallve. E tudo isso sem esfarelar, tá bom?!

Ele também oferece uma multi defesa: além da alta proteção contra UVA/UVB, ele protege sua pele contra os danos da luz azul e visível, infravermelho e poluição. Com vitamina E e carnosina, tem ação antioxidante, que previne os sinais do tempo, e ação antiglicante, que ajuda a preservar o colágeno da sua pele. E aí, que tal incluir na sua rotina diária?

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Loading
Login efetuado com sucesso!