Cottagecore, regencycore e o escapismo nas tendências do TikTok

O cottagecore é uma das estéticas mais fortes do TikTok. Tanto que ela já saiu de lá e respinga até na Netflix. Flávia Akemi mostra como ela está em todo canto

Por: Flávia Akemi

cottagecore

O mundo nunca esteve tão desesperado por um escape da realidade. Com um cenário futuro desafiador, a procura por fugas para se alienar do cotidiano é inevitável. Teve gente que se jogou na cozinha, nos reality shows e teve até quem conseguiu encontrar um novo hobbie em meio à pandemia. Nesse contexto, também nunca estivemos tão conectados: o tempo gasto por usuário em redes sociais, por exemplo, aumentou em até 325% no último ano, segundo o relatório State of Mobile 2021. Para muitos, o uso desses aplicativos se tornou uma das únicas maneiras de estar mais próximo de amigos e familiares, então foi natural que essas pessoas migrassem para plataformas antigas como o Facebook e novas como o TikTok.

+ Kidcore: a nostalgia como resposta a tempos de incerteza

Sem grandes surpresas, o TikTok foi o aplicativo que mais cresceu em 2020, passando o Facebook e o WhatsApp em número de downloads no último ano. Para muitas pessoas, o TikTok oferece um respiro aos conteúdos super produzidos e elaborados do Instagram. É também o lugar que a geração Z encontrou para chamar de seu, algo como o Tumblr foi para os adolescentes millennials em 2010: um refúgio de liberdade e reconhecimento.

O Tumblr deu acesso a um enorme banco de dados de imagens e GIFs, o que tornou algumas imagens e produtos recorrentes populares entre os usuários. Enquanto os millennials mais velhos se transformaram nos hipsters do início dos anos 2010, os millennials mais jovens estavam moldando suas próprias identidades e criando seus estilos no Tumblr. Fazendo um paralelo com os tempos atuais, o TikTok é essa ferramenta de auto expressão para muitos adolescentes.

O TikTok também se transformou num importante funil de tendências - que ganharam um significado totalmente novo pelos usuários das redes sociais da Geração Z. “Se um dos criadores populares da plataforma mudar sua estética por conta de uma tendência particular, todo um estilo pode nascer disso”, disse Yazmin How, líder de conteúdo da TikTok em entrevista à Vogue Business.

O cottagecore

+ Desafio das olheiras no TikTok: naturalização ou padronização?

Dentro dessas estéticas do TikTok, a mais popular sem dúvidas é o cottagecore. Representando uma versão romantizada da vida rural, essa tendência se traduz visualmente em vestidos esvoaçantes, tons pastel, campos floridos, cestas de piquenique e maquiagem leve com "cara de saúde". Embora o cottagecore já exista há algum tempo, foi durante a pandemia que sua popularidade realmente disparou e foi difundida na moda, beleza e até na decoração. A ideia de abandonar tudo para viver uma vida simples no campo é o que torna esse movimento tão facilmente identificável no contexto atual. Afinal, quem não sente vontade de fugir às vezes e entrar num conto de fadas, né?

cottagecore

Embora seja uma estética inegavelmente bela e fantasiosa, o cottagecore também possui alguns recortes controversos. O movimento idolatra o anticapitalismo em sua busca pela auto-suficiência, mas é inerentemente consumista na busca por um certo estilo de vida. No fim das contas, é preciso dinheiro para sustentar um estilo de vida composto por uma variedade de vestidos vintage, mesas de charcutaria e tempo livre para brincar com animais numa fazenda. Mesmo assim, sua estética não possui má intenção e fornece uma fuga da realidade estressante que vivemos atualmente.

+ A revolução da maquiagem pelo olhar do TikTok

witchcore

O witchcore

A estética witchcore também está em evidência representando um estilo de vida que se baseia em aspectos da bruxaria, no ocultismo e glamour gótico. Além do look e maquiagem, as "bruxas modernas" compartilham tutoriais de feitiços, rituais de autocuidado, uso de cristais, receitas de poções e até memes sobre magia. As hashtags sobre o tema no TikTok, por exemplo, contabilizam mais de 11 bilhões de visualizações. Na moda, o hype também aconteceu: uma coleção lançada ano passado pela loja de departamento H&M com a marca indie The Vampire 's Wife, repleta de renda preta, veludo e capas, esgotou-se em horas. Ou seja, Halloween pode ter sido cancelado, mas as bruxas continuam à solta!

+ Como administrar o nosso tempo se estamos tanto tempo online?

O regencycore

Inspirada pelo período regencial, o regencycore é outra estética derivada do cottagecore. Pense em penteados elaborados, tiaras, luvas e muitos bordados. Essa tendência foi impulsionada principalmente pela série "Bridgerton", lançada no final de 2020 pela Netflix com audiência recorde de que 63 milhões de usuários no streaming. na De acordo com a Lyst, plataforma especializada em comportamento de consumo de moda na internet, as pesquisas por espartilhos aumentaram 123% desde que o programa foi ao ar pela primeira vez, assim como os vestidos estilo Império, cujas pesquisas aumentaram 93%. Os conteúdos sobre o tema no Instagram e TikTok variam de montagens de belas mesas de chás até dicas de como costurar seu próprio corset.

O que todas essas estéticas têm em comum? Em uma época em que ninguém pode prever como será o futuro, elas não dão o sonho de escapar do caos da realidade. Quando o mundo parece estar pegando fogo, não há nada de errado em fugir um pouquinho para uma fantasia dentro do seu próprio quarto. Talvez você até se encontre ao longo do caminho.

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Loading
Login efetuado com sucesso!