Sesta: a hora do cochilo

Quem tem o privilégio de parar no meio da tarde ou logo após o almoço para um rápido cochilo para recuperar a energia? Pode parecer um momento de preguiça aguda, mas a ciência comprova que é eficaz!

ses·ta sf 1 A hora em que se dorme ou repousa depois do almoço; soneca. 2 O repouso ou o sono desse momento; codorno. 3 A hora de maior calor; meridiana. ETIMOLOGIA lat sextam - dicionário Michaelis.

Quando falamos em sesta, logo nos vêm automaticamente à mente a tradição espanhola da "siesta", quando o comércio fecha para o repouso.
Para quem tem um ritmo frenético de trabalho, ou de vida em cotidiana em uma cidade grande, pode parecer absurdo se permitir a uma pausa a tarde. Mas (pasmem!) o que a ciência comprova é que deveríamos rever o nosso ritmo de vida. 

Segundo a Associação Nacional do Sono, dos Estados Unidos, um cochilo durante o dia só faz bem. Essa pausa, que a associação classifica de três formas, ajuda a melhorar a tua atenção, ânimo e influi até na saúde. 

Os tipos de cochilo

1. Cochilo planejado

Técnica que serve para os dias em que você sabe que terá que ficar acordado por mais tempo, indo dormir após o teu horário habitual. Dessa forma, segundo a associação do sono, você adia o cansaço para mais tarde.

2. Cochilo de emergência


Para quando te bate um cansaço forte e você exerce uma atividade de risco, por exemplo, quando sente sono dirigindo. O recomendado nesse caso, é o de encontrar um local seguro para estacionar e cochilar por alguns minutos.

3. Cochilo habitual

Quem tem filho pequeno conhece bem a teoria do cochilo habitual: todos os dias, no mesmo horário os olhos começam a pesar. 

A ciência explica

Pode soar como um privilégio para poucos, mas o que a associação norte-americana do sono afirma, é que é natural repor as energias com um cochilo. Afinal, somos mamíferos e 85% dos animais mamíferos são polifásicos, o que significa que dormem em vários períodos do dia.

"Os cochilos podem restaurar a atenção, melhorar o desempenho e reduzir erros e acidentes. Um estudo da NASA sobre pilotos militares e astronautas descobriu que uma soneca de 40 minutos melhorava o desempenho em 34% e a atenção em 100%", afirma a pesquisa da associação do sono.

Dicas do estudo

1. Tempo do cochilo

Dormir por uma ou duas horas na parte da tarde não é produtivo e nem vai melhorar a tua atenção. Um cochilo longo vai te deixar inerte, com a sensação de ainda mais cansado, gerando o efeito contrário do esperado.

O recomendado é uma soneca rápida de 20 a 30 minutos - e quando escolher o tipo do som do despertador, opte por um ritmo leve. Com um cochilo rápido você não corre o risco de comprometer a qualidade do sono a noite e vai recarregar as energias para voltar ao trabalho. 

2. Ambiente da soneca

Encontrar um lugarzinho para o cochilo no ambiente de trabalho não é tarefa fácil. Quem trabalho em home office consegue se organizar melhor e adaptar o tempo de pausa de almoço. O ideal é que seja um espaço tranquilo, sem barulhos que te interrompam a soneca, com temperatura confortável e sem luz forte direta.

3. Horário do descanso

Não é por acaso que a siesta espanhola é tão famosa, afinal, ela acontece no horário perfeito. O estudo demonstra que não é eficiente dormir na parte da manhã, quando o teu corpo já está descansado de uma noite de sono, e tampouco no fim da tarde, quando pode interferir no horário que você se adormenta. É preciso encontrar um equilibrio e após o almoço é o melhor horário. 


Soneca para aumentar a imunidade

Outro estudo publicado pela Associação Nacional do Sono norte-americana demonstra que o cochilo pode ser também uma fonte para reforçar a imunidade em períodos em que não estamos bem. 

"Para manter-se saudável, especialmente durante a estação da gripe, obtenha as sete a oito horas recomendadas de sono por noite. Isso ajudará a manter seu sistema imunológico em boa forma e também a protegê-lo de outros problemas de saúde, incluindo doenças cardíacas, diabetes e obesidade. Se sua agenda de sono for interrompida por uma semana de trabalho ocupada ou por outros fatores, tente compensar o descanso perdido com cochilos. Foi demonstrado que tirar dois cochilos com duração não superior a 30 minutos cada - um de manhã e outro à tarde - ajuda a diminuir o estresse e compensar os efeitos negativos que a privação de sono tem no sistema imunológico. Se você não conseguir tirar uma soneca de meia hora durante o dia de trabalho, tente fazer uma sesta de 20 minutos na hora do almoço e outra logo antes do jantar".

 

A Sallve quer saber: você consegue incluir um cochilo na tua rotina? Ou deixa esse luxo para o período de férias e fim de semana?

vamos conversar?

mais do blog

Kit basiquinho: como usar nosso trio de minis

Kit basiquinho: como usar nosso trio de minis

Chegou o kit basiquinho da Sallve: são as versões miniatura dos nossos Limpador Facial, Esfoliante Enzimático e Antioxidante Hidratante. E aqui você aprende como usar cada um deles!
Saiba mais
Turnê Sallve Rondônia

Turnê Sallve Rondônia

A Turnê Sallve desembarcou virtualmente em Rondônia para um papo sobre auto-cuidado, amor próprio e protetor solar!
Saiba mais

buscar

sua sacola

  • Loading