5 dicas para iluminar uma pele acneica ou com cicatrizes de acne - por Brigitte Calegari

Brigitte Calegari dá 5 dicas simples para quem tem pele acneica ou com cicatrizes de acne mas também quer brincar com o iluminador

Foto: Brigitte Calegari/ Instagram

Depois de tantos anos da hegemonia da pele matificada, sem brilho algum, vivemos aí um bom período em que tudo o que a gente quer é uma pele viçosa - mesmo maquiada. Com aquele brilho que vem de dentro (graças ao skincare) somado àquele brilho que vem de uma boa base ou iluminador mesmo. Vale tudo.

Todo mundo pode usar uma pele com acabamento viçoso? Pode, claro. Há, porém, algumas dicas que podem adaptar esse visual para o seu tipo específico de pele - como é o caso da acneica ou com cicatrizes de acne. Lembra que a Saoirse Ronan nos ensinou exatamente isso em uma make de tapete vermelho que conciliava suas cicatrizes com iluminador? Pois bem: é possível sim a gente que tem pele acneica ou com cicatrizes brincar com o iluminador sim. E hoje quem vai te ensinar como é Brigitte Calegari.

Ás 19h a Brigitte vai dar uma aula de maquiagem ao vivo no nosso canal do YouTube, imperdível, claro, e para aquecer, ela passa por aqui nessa conversa deliciosa.

"Antes de mais nada, gosto de deixar bem claro que com maquiagem é possível que a gente uniformize tonalidades na nossa pele, ou seja, manchas, vermelhidão, olheiras... Só que com a maquiagem é impossível que a gente consiga uniformizar relevos, digamos assim - ou seja, acne, cicatrizes ou até mesmo poros dilatados dependendo do quão grande e evidente é esse poro", começa Brigitte. Sabendo dessas limitações e ajustando expectativas, ela segue com seus conselhos:

Tudo é autoconhecimento

Quem tem pele acneica / com cicatrizes de acne, sabe muito bem como é essa conversa: nossa pele nos ensina novas coisas o tempo todo, e se a gente não aprender a criar esse vínculo de cumplicidade, vamos construir uma relação de tropeços atrás de tropeços. Pele no geral é isso, né? Uma conversa, jamais uma batalha. Mas tomo a liberdade de afirmar que pele acneica é ainda mais assim.

É daí que vem a primeira dica de Brigitte: "A gente precisa fazer uma análise pra entender onde estão essas cicatrizes, onde está essa acne, e nesses pontos a gente precisa tomar mais cuidado. A sugestão é que nesses pontos mais específicos a gente trabalhe com uma pele um pouquinho mais sequinha. Tirando esses pontos mais concentrados de acnes e cicatrizes, você está livre para iluminar."

A consistência do iluminador

"Geralmente a gente sugere que, para uma pele acneica e com cicatrizes de acne, se trabalhe com a pele um pouco mais sequinha. Mas a gente sabe também que é tudo muito pessoal, e é possível sim a gente fazer uma pele acneica / com cicatrizes de acne um pouco mais iluminada. Só precisamos tomar alguns cuidados", explica. Um desses cuidados? A consistência do iluminador.

"Nós temos iluminadores em pó, líquidos, cremosos... O iluminador que vai acentuar menos essa acne ou cicatrizes de acne é o iluminador líquido. Ele é muito mais fácil de se usar nesse quesito", explica. "E existem diversas formas de usar esse iluminador líquido também. A gente pode usar ele misturando com o hidratante, com a base, usando de forma mais pontual... Nesse caso, para uma pele acneica ou cicatrizes, minha sugestão é que você trabalhe com esse iluminador líquido de uma forma mais pontual - ou seja, nos pontos mais altos do rosto, de uma forma muito suave. Brigitte sugere a aplicação com pincéis mais fofinhos, os dedos ou até mesmo esponja: "Ela vai absorver um pouco mais do produto, e vai te trazer um acabamento mais natural."

O acabamento do iluminador

Após ter em mente a consistência do iluminador que melhor funciona para a pele acneica, uma dica de ouro é pensar também em seu acabamento - quem tem muita acne, já sabe: partículas de brilho (ou seja, iluminador muito cintilante, ou com muito glitter) podem ser perigosas.

"Quanto mais brilho mais a gente acentua esses pontos que queremos disfarçar. Minha sugestão é que seja utilizado um iluminador muito suave, que traga apenas só aquele efeito de um reflexo da própria pele, e não um iluminador onde você consiga ver o brilho em si. Existem iluminadores com muitas partículas de brilho e até efeitos mais metalizados, de tão intensos que são."

Como usar a dupla base x iluminador

Outra dica legal é misturar esse iluminador líquido na base, ao invés de usá-lo apenas pontualmente: "Você pode usar sua base mais sequinha nos pontos em que tem mais acne / cicatrizes de acne, para não acentuá-las, e nos outros pontos do rosto você pode misturar um pouquinho do iluminador líquido com a base, para conseguir um acabamento mais luminoso, pensando em um contexto geral", explica Brigitte.

Um cuidado essencial? "É importante a gente criar uma transição, esfumar bem entre uma textura de base para outra."

A finalização

Com todos esses cuidados em mente, Brigitte alerta para o outro oposto - que, segundo ela, pode acentuar sua acne ou cicatrizes de acne da mesma forma: "Uma pele muito muito seca, uma base muito seca - isso pode acentuar essas cicatrizes e essa acne também", conta.

Para finalizar essa maquiagem mais viçosa em uma pele acneica ou com cicatrizes de acne, brumas e águas termais são boas parceiras: "Ali onde tem acne e cicatrizes, sua pele vai estar com o acabamento, mas essa bruma que você usa para finalizar a pele vai trazer mais naturalidade, vai suavizar um pouco mais essas questões."

E aí, prontos para a aula mais tarde?

vamos conversar?

mais do blog

Microbioma Cutâneo

Microbioma Cutâneo

Já ouviu falar sobre o microbioma cutâneo? Ele é formado por milhares de bactérias, fungos e vírus que protegem a nossa pele.
Saiba mais

buscar

sua sacola

  • Loading