Por que o hidratante é essencial quando usamos ácidos na pele?

Então você resolveu usar ácidos na sua rotina de skincare. Antes disso, vamos lembrar: o hidratante vai ser ainda mais essencial agora, viu?

A gente já te explicou aqui no blog por que hidratar a pele é tão importante. A Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve, também já explicou por aqui porque essa etapa de hidratação é uma das três essenciais em qualquer rotina de skincare. Mas nunca custa relembrar: hidratar a pele é se certificar de que sua barreira cutânea está íntegra. A barreira cutânea, lembra?, é responsável por manter a pele protegida contra agressões externas. Ela impede a perda de água, ou seja, impede que nossa pele fique desidratada, além de determinar o pH da pele, e age como um mecanismo de defesa do nosso organismo, evitando que a nossa pele fique irritada ou que uma infecção aconteça.

O dermatologista Dr. Damiê De Villa, também já opinou sobre o assunto por aqui no nosso blog: “Uma pele desequilibrada se torna mais sensível, suscetível a descamação e com maior sensibilidade, o que pode levar ao agravamento de doenças pré-existentes ou surgimento de lesões na pele."

hidratante ácidos

+ Hidratantes da Sallve: qual escolher?

Pra que serve o hidratante?

Muito mais do que aparência, o hidratante tem uma função importante na sua jornada de cuidados com apele: "O hidratante serve para recuperar a barreira cutânea, para deixar uma pele controlada, com todos os seus fatores de hidratação e proteção equilibrados - afinal de contas, nossa pele é uma barreira entre o interno e o externo do nosso organismo, então tudo tem que estar equilibrado. E o hidratante é peça chave para isso", ensina Dra. Camila Rosa, que ressalta: a pele precisa ser hidratada todos os dias sim.

E quando a gente usa ácidos na pele?

Quando a gente usa ácidos na nossa rotina de skincare, essas etapas essenciais ganham ainda mais importância: "Sempre me certifico, como dermatologista, que ao inserir alfa-hidroxiácidos na rotina de um paciente, por exemplo, ele está fazendo os passos básicos de cuidado com a pele - limpar, hidratar e proteger", afirma Dra. Monalisa. É que esses três passos são os que vão manter sua pele saudável, protegida e prontinha para receber os ativos que você vai passar nela, inclusive os ácidos.

+ Como começar a usar ácidos na pele

Quando fazemos qualquer tratamento com ácidos, é importante entendermos como eles funcionam e quais efeitos eles podem ter na nossa pele. Eles promovem, como no caso dos alfa-hidroxiácidos das fórmulas do Tônico Renovador e da Máscara Super Renovadora, uma esfoliação química da pele, ajudando na renovação celular. Por isso mesmo, eles ajudam devolver o viço e uniformizando o tom e a textura da pele. Essa ação, porém acaba afetando a barreira lipídica da nossa pele - aquela mesma, que protege nossa pele de agressões externas, impede a perda de água pela nossa pele e ainda por cima determina seu pH.

Hidratante e ácidos: duplinha inseparável

hidratante ácidos

Lembra que a gente já falou que o hidratante vai garantir que a barreira cutânea da sua pele esteja íntegra, protegendo sua pele de irritações, entre outros fatores? Isso inclui essa irritação causada pelo início do uso de ácidos na sua rotina de skincare. Quando sua barreira cutânea está íntegra, a chance de sua pele ficar irritada diminui, já que ela está equilibrada. Por isso, ao inserir ácidos na sua rotina de skincare, certifique-se que você vai manter a etapa de hidratação da sua pele em dia.

Quando usar o hidratante

Na ordem da rotina de skincare, os produtos com ácidos se encaixam na etapa de tratamento, que vem entre as etapas de limpeza e hidratação. Pensando dessa forma, primeiro você limpa o rosto, depois aplica os ácidos e segue com o hidratante. A gente lembra ainda aquela regrinha das texturas - sempre da mais leve para a mais densa. Se seu cosmético de tratamento for uma máscara ou em textura sérum, ele vem antes do hidratante. Mas há excessões: "Pode acontecer, porém, do ácido ser em textura creme, em pomada. Nesse caso, essa fórmula pode vir depois do hidratante, por ter uma textura mais densa. Mas não é uma regra rígida", explica Dra. Monalisa. "Eu, pessoalmente, gosto de passar o hidratante antes e depois o ácido, mas não é uma regra. Na verdade, a maioria dos médicos indica usar o hidratante por último, mas isso não é uma regra imutável."

Aqui na Sallve, você conta com algumas fórmulas hidratantes, como o Hidratante Firmador, pensado para peles oleosas, o Hidratante Facial e o Hidratante Reparador, que tem ação calmante e ajuda na recuperação da peles irritadas e sensibilizadas. Ele é um excelente aliado para ajudar aquela pele que precisa de uma hidratação mais poderosa - ah, e todas as fórmulas são não comedogênicas, viu?

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Loading
Login efetuado com sucesso!