"Novos produtos nascem a partir da interação valiosa com a comunidade"

Conheça melhor uma das pesquisadoras da Sallve!

“Olá, meu nome é Fabiana, sou farmacêutica de formação profissional e uma artista apaixonada por cosméticos. Artista, sim, porque considero minha profissão uma arte”. Alguém duvida? Acho que não, né?! A dona dessa apresentação poderosa é a Fabiana Souza, nossa Pesquisadora Sênior no time de Pesquisa e Desenvolvimento da Sallve. Ela é que ajuda a criar os produtos maravilhosos que chegam até você!

Ela é esposa, mãe amorosa da Laura, de 14 anos, do Murilo, de oito anos, e da cachorrinha Manu (“companheira de jornada que alegra os nossos dias”), além de também ser uma pessoa que está sempre em busca do autoconhecimento e trabalha para auxiliar pessoas a se conhecerem melhor. “Sigo em constante construção. No momento, estou buscando aprender sobre as questões sociais ligadas a fatores raciais e sexualidade”, explica.

“Sou a favor da conscientização das pessoas sobre as questões raciais, credo e sexualidade. Acredito que somos seres integrais, devemos ser olhados não somente a ‘carapaça’, mas termos um olhar geral sobre os aspectos: físico, mental, emocional e espiritual. Não somos somente o que vemos, mas o que fomos e o que sentimos também”, opina a pesquisadora que é palestrante e instrutora no curso de Espiritismo e Mediunidade em uma casa espírita.

Além da arte dentro do trabalho de pesquisa, Fabiana também é artesã de fato. “Amo arte, seja ela qual for. Pinto para aliviar a mente e presenteio as pessoas que me tocam de alguma maneira com os resultados destes feitos. Amo viajar com a família, cultuar a natureza, aprimorar o conhecimento e visitar museus. Saber da história de pessoas e povos”, aponta.

Conheça melhor a Fabiana Souza e o trabalho dela dentro da equipe de Pesquisa e Desenvolvimento:

O que você faz na Sallve?

Sou Pesquisadora na área de Pesquisa e Desenvolvimento de Produtos. Coloco a “mão na massa” para criar produtos maravilhosos para esta comunidade que somente nos inspira. Também faço acompanhamento de processos ligados a qualidade junto ao terceirista.

Como chegou na Sallve?

Eu sou uma pessoa muito sensível às energias que me rodeiam, e eu estava desmotivada à algumas ações que presenciava no mercado cosmético. Sempre achei que o consumidor precisa ser respeitado, e precisamos entregar a ele o que prometemos nos rótulos e nas ações de marketing. No final de 2017, saí da indústria, montei um laboratório e resolvi trabalhar como consultora independente, realizando desenvolvimentos para diversas marcas existentes no mercado cosmético.

Em 2019, conheci a Sallve através da Juliana Shor, que a princípio fez um convite para eu prestar consultoria. No final deste mesmo ano, recebi uma proposta para ficar efetiva na empresa. E aceitei pelo fato de até aquele momento ter visto apenas ações de acordo com os meus princípios éticos e morais. Uma empresa que entrega a seus consumidores exatamente aquilo que promete, exatamente às suas necessidades.

A Sallve me inspira e me motiva. Este olhar para o consumidor, era o que eu buscava e não encontrava. Vejo alegria nas pessoas e prazer em ocupar as suas vagas. Todos nos sentimos em família.

Quais os principais desafios de criar produtos para Sallve?

Temos uma comunidade de pessoas fascinadas e extremamente conhecedoras de produtos e ativos cosméticos, isto nos impulsiona a estarmos bastante atentos e sempre estudando o que há de novidade em matéria de novos ativos e tendências. Nos inspiramos nas melhores e no que há de melhor no mercado.

Outro grande desafio é o desenvolvimento constante de produtos incríveis, temos em mente que devemos surpreender uma comunidade que não pode se decepcionar e está sempre em busca de transformar o ‘produto ideal’ dos seus sonhos em realidade.

Como a equipe de P & D faz as fórmulas "nascerem"?

Nós temos liberdade para criar e apresentar tendências, ideias proativas. As fórmulas nascem a partir de um processo de co-criação. Nós ouvimos a nossa comunidade e entendemos quais são as suas necessidades.

A partir deste momento realizamos as pesquisas de ativos e matérias primas para determinarmos quais serão aprovadas para darmos início ao novo projeto. Temos como parceiros os melhores fornecedores do mercado, que nos fornecem amostras para iniciarmos os estudos de fórmulas.

Protótipos nascem e são levados para um time de avaliação e aprovação. Após aprovação prévia, levamos para a nossa comunidade através de uma “colab” e assim temos a definição do novo produto.

Como exatamente a comunidade ajuda o trabalho de vocês em P & D?

Nossa comunidade nos auxilia trazendo uma tempestade de ideias. Nos falando sobre os produtos que utilizam com frequência, quais ativos que mais lhe atraem e qual seria o seu produto ideal. Esta conversa nos traz insights, que nos levam à bancada para darmos início ao processo de desenvolvimento.

Nós ouvimos nossa comunidade e realizamos sonhos. Isto sempre resulta em produtos destinado à necessidade específicas. A partir desta interação tão valiosa nascem novos produtos.  

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

  • Loading