O Hidratante Reparador para a pele oleosa

Não só quem tem pele oleosa pode usar o nosso Hidratante Reparador, como ele tem benefícios incríveis para esse tipo de pele, viu?

Parece cada vez mais distante de nós aquele mito de que pele oleosa não precisa ser hidratada, né? Só aqui na jornada do nosso blog já falamos muito sobre justamente o contrário: o quão importante a hidratação é para a pele oleosa - aliás, para todos os tipos de pele.

+ Montando uma rotina para sua pele oleosa 

Com o lançamento do nosso Hidratante Reparador, o "cremão da Sallve", surgiu a pergunta: mas se ele foi pensado para a pele seca, quem tem pele oleosa não pode usar? Pode sim!

pele desidratada

Hidratar a pele oleosa: um passo essencial

Geralmente, os cuidados com a pele oleosa envolvem adstringência e até o uso de alguns ácidos - especialmente quando há um quadro de acne. Hidratar a pele, assim como sempre prestar atenção para não pesar a mão na adstringência (pele repuxando não é legal, viu?), é essencial para manter o efeito rebote longe da sua pele. Aliás, a gente sempre lembra: efeito rebote não é sua pele trabalhando contra você. É o oposto, um mecanismo de defesa!

+ Limpeza da pele oleosa: pode entrar, Limpador Facial!

Esse mecanismo de defesa acontece para reparar justamente a barreira cutânea que falamos ali em cima, que também pode ser afetada pelo uso de ácidos na rotina. O uso destes ácidos sem o cuidado em hidratar a pele e repor sua barreira cutânea é o que abre espaço para uma pele sensibilizada - vermelha, coçando, ardendo, sabe?

Viu por que a hidratação da pele oleosa é tão fundamental?

Quem tem a pele oleosa já deve conhecer nosso Hidratante Firmador - em textura sérum gel, toque bem sequinho e absorção rápida. Mas e para quem quer experimentar a textura de um cremão e aquela sensação da pele bem umectada, aquele acabamento bem luminoso de um creme hidratante?

+ Hidratante Reparador pode ser usado no corpo todo e nós temos dicas!

Nosso Hidratante Reparador foi pensado para as peles secas e sensíveis, mas seus benefícios são comprovados em todos os tipos de pele, inclusive acneicas, e pode sim ser usado por quem tem pele oleosa.

Sua fórmula reúne ceramidas biomiméticas e pantenol, com propriedades calmantes e que auxiliam na reconstrução e cicatrização da barreira da pele, alfa-bisabolol com ação anti inflamatória, calmante e antioxidante, manteiga de karité, que hidrata criando uma barreira e reduz a perda de água, e eletrólitos, para garantir o balanço hídrico da pele. Tudo isso em uma fórmula vegana, sem silicone, sem óleo mineral, sem crueldade e não comedogênica, ou seja: que não entope os poros.

Como usar o Hidratante Reparador na pele oleosa

A primeira dica quem dá é Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve: "Você não precisa usar todos os dias", ela começa, recomendando o uso diurno para quem gosta da pele com acabamento bem viçoso, e noturno para quem quer se beneficar da fórmula mas prefere a pele mais "sequinha" durante o dia: "Assim sua pele vai acordar super hidratada e sem o sensorial um pouco mais denso que algumas pessoas com pele oleosa podem estranhar", diz.

Se o uso for diurno, mais uma dica: passe uma camada bem fininha sobre a pele, como o último passo antes do protetor solar. Como o Hidratante Reparador tem uma carga oleosa mais alta e textura mais densa, passar uma camada bem fininha pode ajudar a se acostumar com o produto ou adaptá-lo ao sensorial que te deixa mais confortável.

Quer mais uma dica? Temos: você pode aplicá-lo pontualmente onde sua pele é mais seca, como nas bochechas e abaixo dos olhos (sim, o Hidratante Reparador pode ser usado nessa região!), por cima do seu hidratante de todo dia.

Para finalizar, o Hidratante Reparador pode ser usado para preparar a pele para a maquiagem, dando um acabamento mais viçoso naquela base opaca que você tem em casa, e até como máscara noturna, se você quiser passar uma camada mais robusta. Aliás, é assim que a Julia Petit adora passar, seguidinho do Tônico Renovador!

Sobre quem tem pele oleosa e já usou o Hidratante Reparador

A Nina Galdina, que participou das colabs do Hidratante Reparador e tem pele oleosa, conta pra gente como é sua experiência com o "cremão da Sallve": "Ele é o hidratante que vai acalmar e regenerar a pele, principalmente após o uso de tratamento com ácidos. Minha pele é acneica, oleosa e sensível, e fez muita diferença combiná-lo com o tônico renovador na rotina noturna. No dia seguinte, meu rosto acorda com viço, mas sem uma sensação oleosa".

+ Tônico Renovador e Hidratante Reparador: os benefícios dessa dupla incrível

Nina conta ainda que o uso do Hidratante Reparador também não trouxe novas espinhas: "Mas se por acaso eu estiver com alguma, sinto que o hidratante deixa a região mais macia e ela vai embora em menos tempo".

Ela também usou o Hidratante Reparador antes antes da maquiagem, testando-o com diferentes bases e protetores solares: "Foi compatível com todos, dos mais sequinhos com efeito mate aos mais hidratantes com efeito glow, sem esfarelar. Acredito que esse produto veio no momento certo: com as estações mais frias, a pele tende a ressecar, pedindo uma hidratação mais potente nas regiões do Brasil em que a temperatura cai", finaliza.

E aí: que tal inserir o Hidratante Reparador na sua rotina de skincare?

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

  • Loading