O que a água faz pela nossa pele?

Quanta água você bebe ao dia? Sabia que a ingestão da quantidade correta se reflete na tua pele? Temos motivos de sobra para você reavaliar esse hábito.

Todo mundo aqui já está cansado de saber que água faz bem e que precisamos beber cerca de dois litros ao dia(A quantidade pode variar de acordo com características corporais - peso, altura -, idade e atividade física, além da temperatura e umidade do local onde se vive. A recomendação geral do consumo de dois litros é feita pelo Ministério da Saúde do Brasil e para saber se essa é a quantidade ideal para o teu organismo é preciso seguir a indicação do médico de confiança). 

Você consegue seguir a recomendação diária?

Se a tua resposta é a de que consome os dois litros ao dia, ponto para você! Mas, se a resposta é "não", é hora de rever esse hábito. E para isso te oferecemos um bom motivo: o resultado na pele



Antes de mais nada vamos deixar claro que o benefício não se reflete só na pele, mas sim em todo o corpo. O consumo adequado só traz benefícios, colaborando com a circulação sanguínea, com a absorção das vitaminas hidrossolúveis (vitaminas C e B) e ajudando o funcionamento do intestino e dos rins. Aumenta o fluxo de oxigênio, elimina toxinas, equilibra a temperatura corporal e se reflete em um aumento da imunidade. O papel da ingestão de água é o de limpar o organismo, fazendo uma espécie de faxina interna. 

Isso não significa que você deve beber mais água do que o recomendado. A ingestão excessiva é um outro problema sério que pode colocar pessoas saudáveis em risco de vida. 

 

Como saber se a quantidade ingerida é pouca, suficiente ou excessiva?


Em uma matéria no site do Dr Dráuzio Varella se encontra uma boa dica: reparar na cor do xixi - que deve ser amarelo-claro. "Se a urina estiver amarelo-escura e com odor forte e você estiver indo menos vezes do que costuma ao banheiro, é sinal de que está ingerindo pouca água. Se estiver urinando muito e a urina estiver límpida, transparente, provavelmente você está ingerindo água em excesso". O tom deve ser amarelo-claro, nem escuro e com forte odor, e nem completamente transparente. Portanto, é preciso saber interpretar os sinais que o nosso corpo nos dá.

Hidratação da pele: dentro e fora

Sabia que a ingestão recomendada de água se reflete na tua pele? A SBD - Sociedade Brasileira de Dermatologia - indica que "uma boa hidratação deve ser feita por dentro e por fora. Por isso, além do uso de dermocosméticos específicos [para cada tipo de pele], recomenda-se a ingestão diária de, no mínimo, dois litros de água". 

Isso porque a pele é composta por células que por sua vez, têm água em sua composição. Uma pele bem hidratada (e com uma rotina de skincare) tem viço e elasticidade.

O primeiro sinal de um consumo abaixo do recomendado pode ser visto com os sinais que a pele nos dá. É aquela velha história que tanto falamos aqui na Sallve: é importante nos conhecermos e aprendermos a entender os sinais que o nosso corpo nos dá. A falta de hidratação adequada tem como consequências a perda de elasticidade e uma pele ressecada, comprometendo a reposição da barreira lipídica, que defende o nosso organismo de agressões externas. 

Comprovado

Uma pesquisa conduzida por Lídia Palma, Liliana Tavares Marques, Julia Bujan e Luís Rodrigues Monteiro, publicada no NCBI (National Center for Biotechnology Information) quantifica o efeito da água na fisiologia da pele. 49 mulheres saudáveis com idade entre 22 e 34 anos participaram do estudo que concluiu que "o aumento da ingestão de água na dieta regular pode afetar positivamente a fisiologia normal da pele, por seu comportamento hidratante e biomecânico".

O estudo apresenta as recomendações diárias de consumo do guia "Diretrizes de alimentação para americanos", que indica uma ingestão entre 3,7 litros e 2,7 litros (muito superior a indicação no Brasil); e as da Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos, que indica um consumo diário de dois a 2,5 litros - para pessoas saudáveis entre 19 e 30 anos. A recomendação individual deve ser feita por um médico que examina a tua estrutura física, peso, altura, idade, além de atividade física e ambiente em que você vive. Não se pode decidir ao acaso o quanto é recomendado a cada pessoa. As diferenças exorbitantes entre as recomendações generais de um país a outro é também relativo à alimentação local e ao clima, temperatura e umidade do ar. 


Para garantir um bom funcionamento do seu organismo respeite as indicações do teu médico de confiança. E se você tem dificuldade em beber água, relembre as boas dicas que sugerimos para te ajudar a superar esse obstáculo ;)

vamos conversar?

mais do blog

Como cuidar da área dos olhos?

Como cuidar da área dos olhos?

O Antioxidante Hidratante é o melhor aliado para combater linhas de expressão, bolsas, olheiras de cansaço e os pés de galinha.
Saiba mais

buscar

sua sacola

  • Loading