O excesso de hidratação pode ser um problema?

A nossa comunidade pediu e nós respondemos: será que usar um cosmético quatro vezes ao dia vai ajudar a hidratar mais a pele?

A nossa comunidade contou que está tão apaixonada pela sensação do Hidratante Firmador que tem até quem fica com vontade de usar o produto quatros vezes ao dia. Mas espera aí, será que a gente pode mesmo aplicar o hidratante tantas vezes ao dia?

Procuramos a dermatologista Dra Joana D'arc Diniz, da Clínica Joana D'arc Diniz e diretora científica da Sociedade Brasileira de Medica Estética, para entendermos se dessa forma vamos cuidar bem da nossa amada cútis ou se podemos acabar por pecar no excesso de hidratação na nossa pele.

Antes de tudo, vamos lembrar de quando falamos aqui sobre as diferenças entre a pele seca e a pele desidratada. Enquanto a primeira é um tipo de pele que tem carência de óleo ou sebo, a pele desidratada é um estado de pele que reflete a falta de água. "Devemos lembrar que a pele é o maior órgão do corpo humano e, por isso, precisa de uma quantidade maior de água", aponta a Dra Joana D'arc Diniz. Mas "o excesso de hidratação também pode prejudicar a pele. O organismo precisa de equilíbrio em todas as funções", explica a dermatologista. 

Hiperhidratação

O que pode nos parecer um zelo para com a nossa pele, pode desencadear uma série de problemas. "O excesso de hidratação na pele desequilibra o manto hidrolipidico natural de proteção da pele para a penetração de qualquer substância no organismo através dela. Além do mais, afetará a flora natura da pele, ressaltando que possuímos bactérias que habitam nossa pele sem causar danos. Quando há esse desequilíbrio, essas bactérias podem tornar-se agressoras à pele e facilitar infecção da pele".

A dermatologista explica que sentimos esse excesso não só na pele, como também nos cabelos e pelos. "A hiperhidratação do corpo como um todo, leva a diluição, ao desequilíbrio de elementos importantes como sódio e potássio, responsáveis pela manutenção e equilíbrio de várias funções do organismo. Já a hiperhidratação tópica pode piorar a oleosidade e, consequentemente piora a acne. A dermatite seborreica também pode se agravar e, ela acomete áreas com cabelos como: couro cabeludo, sobrancelhas, bigode e barba nos homens , assim como a pele da face, orelhas, tórax e dorso. 

A hiperhidratação também pode gerar intertrigos (principalmente a intertrigos leveduróticos) que é uma inflamação da pele que acomete principalmente zonas quentes e úmidas da pele, como áreas de dobras do corpo (virilha, cotovelos, etc). Além disso, pode facilitar micoses por fungos dermatófitos - aqueles que causam infecções na pele -, ou ainda agravar a Pitiríase Versicolor, popularmente conhecida como micose de pele".

Por isso é tão importante seguir a rotina de skincare, iniciada com uma boa higiene facial, seguida com a hidratação e finalizada, pela manhã, com o protetor solar. À noite, os dois passos essenciais são: limpeza e hidratação. É aquela nossa velha história de aprender a "ouvir" a nossa pele, de conversar e aprender a nos conhecermos mais.

Hidratação quatro vezes ao dia?

A famosa rotina coreana de skincare com dez ou até 15 produtos diários já foi desmistificada e o importante é conhecer muito bem a base da rotina de skincare que funciona para você. A Dra Joana D'arc Diniz reforça que "o excesso de produtos desequilibra a barreira cutânea, aumentando a oleosidade da pele e estimulando a produção das glândulas sebáceas. Também causa obstrução dos poros, aumentando a formação de espinhas e cravos que podem se contaminar com as bactérias da pele. Isso facilita o aparecimento de acne que pode ainda deixar cicatrizes indesejáveis na pele". E assim como uma rotina com muitos produtos não é o ideal para a nossa pele, o mesmo acontece se repetirmos a rotina muitas vezes ao dia.

"Acho importante ressaltar que a rotina no uso dos produtos para skincare deve ser diária e contínua, isso não significa excesso de aplicação. A pele precisa estar preparada para receber e absorver os nutrientes que oferecemos a ela com os produtos aplicados. E necessita de tempo para absorver tais nutrientes. Por isso, a sobrecarga de produtos não aumenta a absorção, apenas aumenta a camada de produtos, sem que ela consiga dar conta de absorvê-los, o que causa obstrução. Um bom exemplo é quando exageramos na exposição solar e tentamos compensar aplicando hidratante em excesso. Além de não conseguirmos hidratar tão rápido quanto gostaríamos, ainda podemos facilitar infecções nessa pele que já está agredida".

Queremos saber de você: como anda a tua rotina de skincare?

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

  • Loading