Por que seus cosméticos não estão funcionando?

Você tem as fórmulas certas, mas não sente que seus cosméticos estão funcionando. Tem um (ou vários) motivos para isso estar acontecendo, viu?

Montar uma rotina de skincare, nos dias de hoje, parece fácil: além de tantas opções, há um mundo de informações na ponta do seu dedo. Tanta informação, porém, podem acabar te confundindo. Pode-se começar a pensar que quanto mais produtos, mais eficaz vai ser a sua jornada da pele. Ou que quanto maior a concentração de ativos, maior a chance de sucesso. Rola ansiedade, aquela vontade de sentir o resultado logo no primeiro dia... E pode ser que, mesmo você sabendo seu tipo de pele e comprando as fórmulas certas para ela, você não sinta mudança. Afinal de contas, por que seus cosméticos não estão funcionando, se está tudo alinhado?

Aqui a gente lista oito motivos, para te ajudar a organizar ainda melhor sua rotina de skincare e entender que um cosmético não funciona, várias vezes, por motivos que vão além da sua fórmula.

cosméticos não estão funcionando

1- Seus cosméticos não estão funcionando porque você não está usando protetor solar

Usar protetor solar é inegociável quando se fala não só de skincare, mas de saúde. O protetor solar protege sua pele da ação dos raios solares que, além do envelhecimento precoce, pode manchar a pele, piorar a acne e causar câncer de pele.

+ Afinal, como as manchas se formam?

Quando se fala de cosméticos, pense assim: um tratamento para manchas não funciona se você não aplicar protetor solar, religiosamente, todos os dias, já que você segue expondo sua pele ao fator que desencadeia ou piora essas manchas. Se você tem acne, expor sua pele direto ao sol sem protetor solar pode inflamar ainda mais suas espinhas. Se você usa cosméticos para prevenir o envelhecimento precoce da pele, não usar protetor solar continua expondo sua pele a esse risco. Se você faz tratamentos com ácidos, pode manchar a pele ou causar irritação se não passar protetor solar.

Mas por que tanta gente esquece que tem que passar o protetor solar todos os dias? Por falta de hábito. É justamente por isso que a Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve, já ensinou: não importa se está nublado ou você está dentro de casa, não esqueça do protetor solar.

Primeiro, porque sua pele continua exposta a ação dos raios UVA mesmo dentro de casa ou quando o céu não está azul. Segundo, justamente para criar a rotina desse passo. Se você não está usando protetor solar, pode ter certeza: esse é um dos motivos pelo qual seus cosméticos não estão funcionando como deveriam.

+ Como passar protetor solar corretamente e reaplicar durante o dia

2- Você não está fazendo as três etapas essenciais de uma rotina de skincare com seus cosméticos

Antes de sair incluindo uma série de ativos de tratamento na sua rotina de skincare, saiba que três etapas são essenciais para tudo isso que você quer passar nela funcione. Não só isso, aliás: para que sua pele seja saudável também. São eles lavar, hidratar e proteger.

Já falamos do protetor solar, mas limpar e hidratar a pele são igualmente fundamentais: são esses passos tão simples que vão deixar sua pele não apenas pronta para absorver ainda mais os ativos que você passar nela, como também para que um quadro de irritação seja evitado. Uma pele limpa, hidratada e protegida é uma pele equilibrada e saudável.

Se você não mantem sua pele com esses três passos em dia, os ativos que você passar nela não farão tanto efeito e você corre o risco de deixá-la sensibilizada ao incluir, por exemplo, ácidos na sua rotina.

3- Você não tira a maquiagem antes de dormir

Não importa o quão afiada é sua rotina de skincare se você tem aquela preguicinha de tirar a maquiagem antes de dormir. "Tirar a maquiagem antes de dormir é um dos passos mais essenciais do seu cuidado com a pele", afirma Dra. Monalisa Nunes. "A maquiagem tem substâncias que não foram feitas para serem absorvidas pela pele ou para ficarem sobre ela por longos períodos", segue a dermatologista, citando o envelhecimento precoce como uma das consequências de teimar em dormir de maquiagem.

"É que além da maquiagem, a gente ainda tem toda a poluição do ambiente que foi acumulada na pele durante o dia ou noite. Além disso, muitas das maquiagens, especialmente as que as brasileiras usam, acabam sendo muito oleosasoclusivas - ou seja, elas formam uma capa sobre a pele, que impede sua oxigenação adequeada e entope os poros. Esse entupimento de poros, por sua vez, gera as famosas espinhas e cravos", pontua, citando ainda manchas e dermatite como possíveis consequências desse hábito de dormir de maquiagem.

+ Como tirar a maquiagem e por que esse passo é tão importante?

"Durante o período da noite, nossa pele regenera numa velocidade maior. Deixar a pele suja e obstruída impede esse processo. A própria oclusão que acontece quando deitamos nosso rosto no travesseiro facilita todos esses quadros. Por isso é essencial limpar a pele antes de dormir", conclui.

Por isso, lembre-se sempre: tirar a maquiagem antes de dormir é essencial, viu?

6- Será que a ordem tá certa?

A ordem de uso de cosméticos também é importante para que eles funcionem corretamente. Por isso, comece da textura mais leve para a mais pesada / densa, terminando, invariavelmente, com o protetor solar. "Essa regrinha está mais associada ao sensorial mesmo", explica Renata Ribon de Melo, do nosso time de pesquisa e desenvolvimento. "Uma textura mais levinha é absorvida mais rápido, e isso vai facilitando a aplicação dos produtos seguintes".

Para gravar a ordem do skincare: líquido, sérum, gel, loção cremosa / creme. Começando sempre pela limpeza da pele e terminando com a proteção dos raios solares. Traduzindo em etapas, fica assim, sempre: limpeza, tratamento, hidratação e proteção.

Já traduzindo em produtos, fica: limpador, máscara (caso você for usar), tônico, sérum, creme para os olhos, tratamentos localizados, hidratanteóleo (se você usa). E finalmente, protetor solar.

+ 5 sinais de que você pode estar exagerando no skincare

"Pense no óleo como um selador de tudo o que você fez na sua pele antes, um finalizador mesmo. Como ele é mais oclusivo, tudo o que você passar depois dele não vai penetrar na sua pele, comprometendo seu efeito. Por exemplo, se você passar o óleo antes de um creme para os olhos, sua pele não vai absorver quase nada desse creme. Isso, porém, não se aplica ao protetor solar.", explica nossa Julia Petit.

"Essa selagem do óleo acontece porque ele não evapora", complementa Renata Ribon de Melo. "Com isso, temos essa sensação de selagem. Parte é absorvida, mas o sensorial dele fica mais fácil de sentir na pele do que um sérum bem sequinho, por exemplo".

7- Pode ser importante você adaptar sua rotina para as estações do ano ou a época do mês

Parece simples, mas ajuda: no verão, sua pele pode funcionar melhor com um hidratante mais leve e refrescante, mas no inverno ela pode pedir uma fórmula mais encorpada, mesmo que seja apenas na hora de dormir.

+ A rotina de cuidados com a pele ideal para cada clima

Para quem menstrua, o ciclo pode interferir diretamente na pele, causando cravos e espinhas em determinados períodos do mês. Por isso, nessas fases específicas, mesmo que você não tenha o hábito de usar ácido salicílico na pele, por exemplo, o ativo pode ajudar a driblar a acne.

8- Disciplina

Quando se fala de cosméticos e rotina de skincare, um elemento é fundamental - e não estamos falando de ativos: a disciplina. A frequência com a qual você usa seus produtos deve ser sempre a mesma, para que eles façam efeito.

Para entender a importância do hábito na rotina de skincare, da consistência mesmo, quando falamos da nossa jornada da pele, a gente começa pelo próprio funcionamento dela: "A pele tem um ciclo, e está sempre se renovando", começa Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve, explicando que o ciclo é lento, e leva em torno de 28 dias. Ah, e ele tem nome: é a renovação celular, lembra?

Conhecendo o próprio ritmo da nossa pele, fica fácil entender que nada da dermatologia é rápido: "A gente realmente precisa de uma consistência", reforça. A dermatologia leva o assunto adiante: "Além do ciclo celular, há a dificuldade de penetração dos ativos em camadas mais profundas da pele. A maioria dos cosméticos ficam e agem na camada em sua camada mais superficial, que é extremamente importante, mas é mais superficial. Se a gente quiser ter alguma melhora mais profunda, precisamos de consistência, para que haja uma mudança na forma como a pele funciona".

Ela segue: "Se você tem dificuldade de manter uma rotina maior, é melhor você enxugar essa rotina e voltar para os passos fundamentais, de limpezahidratação e proteção solar. Você vai ter mais resultados fazendo apenas esses passos com consistência do que se usar muitos produtos poderosos, como um antioxidante ou um renovador sem consistência", ensina, sublinhando que "não adianta usar o melhor skincare sem consistência".

Aliás, a dermatologista expande essa conversa até os procedimentos estéticos: "A rotina básica de skincare diária é muito mais importante e tem muito mais resultados se ela é feita na consistência certa do que um procedimento como um peeling ou microagulhamento feito esporadicamente. Você tem mais resultado com um tratamento contínuo do que se ocasionalmente fizer um procedimento mais agressivo".

9- O dermatologista está em dia?

O acompanhamento dermatológico é muito importante quando se fala do cuidado com a pele. É esse profissional que não só vai diagnosticar corretamente sua pele como indicar o que ela precisa e te ajudar a montar uma rotina eficaz - que não significa muitos produtos, viu?

+ 5 dicas para ter uma excelente consulta com o dermatologista

Por isso, não abra mão do dermatologista: além de procedimentos específicos que são feitos em seu consultório e que podem potencializar sua rotina, ele é especialista no assunto e vai evitar sustos/ saber contornar quadros que possam surgir.

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Login efetuado com sucesso!