Uniformizar a pele: o que é e quais cuidados ajudam

Todo mundo sonha em uniformizar a pele, mas afinal de contas, o que é isso? Dra. Monalisa Nunes explica o processo e qual deve ser seu objetivo.

Alguns objetivos são como cálices sagrados do skincare: são objetivos praticamente unânimes, que absolutamente todo mundo traça para si - e para a sua pele. A pele viçosa e luminosa é um deles. A pele uniforme é outro. Muito se fala sobre uniformizar a pele como um objetivo cobiçado da nossa jornada da pele. Mas afinal de contas, o que é uma pele uniforme?

uniformizar a pele

O que é uniformizar a pele?

É mais fácil, para entender o que é uniformizar a pele, a gente começar pelo final: o que é uma pele uniforme? A ideia pode ser intimidadora, por isso Dra. Monalisa Nunes, dermatologista consultora da Sallve, faz questão de falar sobre abordar a pele uniformizada dentro de padrões realísticos:

+ Cicatrizes de acne: tipos e tratamentos

"Não há uma definição específica sobre o que é uma pele uniforme, na literatura, mas no consenso falamos na uniformidade do tom e da textura da pele. Uma pele uniforme é uma pele que, na medida do possível, não tem alterações expressivas de pigmentação e relevo, como de cicatrizes e espinhas. Mas é muito importante a gente lembrar sempre que nenhuma pele é totalmente uniforme, totalmente lisa. A pele tem uma textura natural, com poros, com pelinhos, e tudo isso, na média, é normal. É normal haver uma diferença de tom na pele", ela faz questão de ressaltar.

O que interfere na uniformização da pele?

Partindo desse princípio tão importante de que a gente deve abordar a nossa pele uniforme dentro de expectativas reais, fica fácil cuidar dela e detectar o que interfere na sua uniformização: exposição aos raios solares, cicatrizes de acne, a própria acne, espinhas, verrugas, pintas e melasma estão entre os fatores que interferem na uniformização da pele, assim como doenças de pele pigmentares (como vitilígo ou pitiríase alba) ou vasculares, que aumentam os vasos sanguíneos no rosto, como é o caso da rosácea.

+ Quais os melhores ingredientes para sardas, manchas e pintas?

Vascularização e melanina

Para ficar ainda mais fácil de entender, Dra. Monalisa explica que tudo isso pode ser divididos em dois fatores que interferem na uniformização da pele: a vascularização e a melanina.

"A vascularização do vaso em si afeta a uniformização da pele. Há algumas doenças que aumentam os vasos na pele - como a rosácea -, alguns tipos de tumores e até alguns tipos de pintas que são de vasos. Ainda dentro da vascularização há a questão das inflamações, que é quando a pele fica vermelha por inflamação ou irritação - há um aumento da vascularização ali, que transparece naquela vermelhidão localizada", afirma a especialista.

+ Olheiras: entenda os tipos e o que pode agravar o escurecimento

"Já quando falamos na melanina, entramos no campo da hiperpigmentação, que é o depósito excessivo de melanina na pele, ou hipopigmentação, que é justamente o oposto", completa.

O que ajuda a uniformizar tom e textura da pele

Dra. Monalisa cita alguns ativos uniformizantes que podem ser encontrados em cosméticos que agem diretamente na questão da pigmentação, como ácido tranexâmico, alfa bisabolol, niacinamida, ácido kojico, ácido fítico, ácido mandélico, retinol e alfa arbutina, entre outros.

Mais uma vez, porém, a dermatologista volta a levantar a importância da consistência do tratamento para resultados efetivos: "Tudo na pele tem essa questão do hábito e da consistência. Não há ainda no mercado um despigmentante de dose única", explica. "Todos os produtos uniformizadores do tom da pele requerem consistência e comprometimento, até pela questão das concentrações. Se elas forem muito agressivas, vão provocar a alteração do tom natural da pele da pessoa. Por isso, as concentrações são mais limitadas: para que a gente consiga uniformizar o tom sem clarear o tom de pele constitucional da pessoa".

+ A importância do hábito na rotina de skincare

A dermatologista explica ainda que os cosméticos existentes no mercado brasileiro têm uma concentração controlada destes ativos que agem na pigmentação da pele para uniformizá-la, e não são capazes de clarear a pele: "O que eles fazem é tirar o excesso de melanina da pele ou restituir a melanina que foi perdida em alguma área da pele. O objetivo é sempre voltar para o tom constitucional daquela pessoa. A gente não consegue, com cosméticos, matar melanócitos, por exemplo, clareando a pele do indivíduo".

Esfoliar a pele ajuda uniformizar a textura?

Claro, ajuda sim! Esfoliar é o processo de remoção de células mortas da superfície da pele. Ou seja, o processo de esfoliar a pele estimula a renovação celular.

+ Esfoliação e renovação celular: tem diferença?

E por quê a renovação celular é tão importante para melhorar a textura da pele? Naturalmente, nossa pele faz sua troca celular, trocando células mortas por outras novinhas. Só que com o passar dos anos, esse processo vai ficando mais lento. Com a renovação celular incentivada, esse processo, que pode demorar no mínimo 30 dias, fica mais ágil, e o resultado é uma pele mais viçosa, com poros desobstruídos, e com textura mais uniforme. É graças à renovação celular, por exemplo, que cicatrizes da acne podem ser suavizadas, assim como os poros dilatados.

E tem mais uma coisinha: além de deixar a pele mais saudável, a esfoliação pode melhorar a eficácia dos produtos para cuidado com a pele, aumentando sua absorção. Ótimo, né?

Não esqueça do protetor solar!

Proteção solar é um passo importantíssimo e fundamental em qualquer rotina de cuidados com a pele. A luz do sol, especialmente os raios UVA e UVB, podem contribuir para o aparecimento de manchas e para o envelhecimento precoce da pele, entre muitas outras questões.

+ Protetor solar é ainda mais indispensável quando usamos ácidos na pele

Já te contamos por aqui, mas um tratamento de manchas, que visa uniformizar o tom da pele, não vai funcionar sem proteção. O maior estímulo causador de manchas é a radiação solar, então não adianta muita coisa fazer um tratamento de manchas sem “barrar” essa radiação

“A exposição solar é um fator desencadeante da produção de melanina de maneira desequilibrada. Não faz sentido tratar manchas e não passar protetor. Na verdade, o primeiro tratamento para mancha é o protetor solar, porque só de você proteger a pele do sol, você já ajuda a uniformizar o tom da pele. Você está tirando o principal estímulo causador de manchas, que é a radiação solar. Por isso, não faz sentido fazer um tratamento para manchas sem protetor solar”, aponta a especialista.

Uniformizar a pele + Sallve

A Sallve tem várias fórmulas que podem ajudar a uniformizar o tom e a textura da pele. Aqui te apresentamos algumas delas:

Tônico Renovador

O Tônico Renovador é uma poderosa fórmula de tratamento com alfa hidroxiácidos (AHAs) 7%, uma combinação dos ácidos glicólico 4%, málico 2% e lático 1%, para limpar e esfoliar a pele sem ressecar, além de hidratar controlando a oleosidade, minimizar poros e uniformizar a textura suavizando cicatrizes de acne e linhas finas. Com os Extratos de Alcaçuz, Hamamélis e Physalis, ele também é adstringente, uniformiza o tom, e deixa a pele luminosa.

Esfoliante Enzimático

O Esfoliante Enzimático é um esfoliante 3 em 1 poderoso, com Enzimas de Romã e Partículas de Bambu, que remove progressivamente os cravos e as células mortas sem agredir a pele e a natureza (com grânulos de bambu). Ele uniformiza a textura e o relevo, estimula a renovação da pele, hidrata e repara.

Antioxidante Hidratante

O Antioxidante Hidratante é um sérum-gel com Nano Vitamina C 10% que simplifica a sua rotina: hidrata controlando a oleosidade, minimiza poros, uniformiza o tom suavizando manchas, previne linhas finas e melhora manchas, olheiras e bolsas nos olhos.

Sérum Antimanchas

Sabe quem pode ajudar quando o assunto são manchas? Nosso Sérum Antimanchas! Poderoso no tratamento e prevenção de manchas, olheiras pigmentares e linhas finas, a fórmula multifuncional pode ser usada na área dos olhos, rosto e corpo e age antes, durante e depois da mancha, hidratando, uniformizando não só o tom como a textura da pele e ainda devolvendo toda a sua luminosidade.

+ Pele sensível: o que é, quais as características e como cuidar

O Sérum Antimanchas combina retinol biomimético, responsável por uniformizar textura e tom sem sensibilizar, a niacinamida 5% que reduz a pigmentação excessiva, o nanoácido tranexâmico e o alfa-arbutin, que regulam o início da produção da melanina. Já o óleo de rosa mosqueta entra na fórmula com suas ações antioxidante, hidratante e cicatrizante.

Protetor Solar

Já o Protetor Solar da Sallve FPS 60 protege sua pele diariamente com acabamento hidratante e invisível na pele, formando uma dupla perfeita com o Sérum Antimanchas. Sua fórmula única oferece uma multi defesa: além da alta proteção contra UVA/UVB (com PPD 25,5), ele também protege sua pele contra os danos da luz azul e visível, infravermelho e poluição.

Com vitamina E e carnosina, ele tem ação antioxidante, que previne os sinais do tempo, e ação antiglicante, que ajuda a preservar o colágeno da sua pele. Não-comedogênico e sem álcool, ele deixa um toque macio combinado com o viço incrível, sem esfarelar.

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Login efetuado com sucesso!