Tire suas dúvidas sobre pele seca

Conversamos com especialistas para responder as maiores questões da nossa comunidade

Hoje é dia de conversar com quem tem pele seca e precisa de uma rotina de hidratação ainda mais cuidadosa. Assim como todos os outros tipos de pele, conversar sobre pele seca gera muitas dúvidas. Aqui, reunimos as que chegaram à nós pelo Instagram, enviadas pela nossa comunidade, e conversamos com especialistas, para deixar tudo bem esclarecido. Segue o fio!

Pele Seca

Quais são as características da pele seca?

Propensa à descamação e a vermelhidão, a pele seca é caracterizada por uma produção insuficiente de sebo ou de óleo. A falta desses agentes naturais influencia na capacidade de retenção da hidratação, favorecendo uma barreira cutânea mais frágil.

+ Pele seca: 8 ingredientes amigos

Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, a pele seca pode ser causada por fatores genéticos e hormonais (menopausa e tireoide), e não só por condições climáticas ou radiação ultravioleta, por exemplo. Por isso, é bacana sempre procurar um dermatologista!

“Uma pele seca geralmente é mais sensível, áspera e fica vermelha e descamando com maior facilidade. Esse tipo de pele precisa de produtos mais suaves, menos abrasivos e de hidratação diária!”, aponta a Dra. Camila Rosa, dermatologista.

Quais fatores podem ressecar mais?

Muita coisa pode piorar o ressecamento e até a irritação, que são propensas de uma pele que perde água em excesso. Entre eles:

  • Baixa umidade do ar
  • Tomar banhos longos e com água quente
  • Esfregar demais a pele
  • Utilizar produtos abrasivos
  • Uso de ácidos
  • Usar produtos inadequados para o seu tipo de pele
  • Não hidratar

Pele seca, ressecada ou desidratada?

“Pele seca é a classificação do tipo de pele, ressecada e desidratada são condições da pele. Sendo que qualquer tipo de pele pode estar ressecada e desidratada”, aponta a Dra. Camila Rosa.

+ Por que é tão importante conhecermos nosso tipo de pele

Já te contamos aqui no blog a diferença entre tipo de pele e estado de pele. Mas nunca é demais relembrar: uma grande diferença entre o tipo de pele (seca, oleosa, normal e mista) e o estado de pele é que o segundo pode ser temporário.

estado da pele pode variar muito durante o curso da vida. Há muitos fatores que influenciam, tanto internos quanto externos. Sendo eles, o clima e a poluição, alguns medicamentos, o estresse ou fatores hereditários, além é claro dos produtos que usamos. Esses fatores influenciam na produção de sebo, o suor, os fatores de hidratação natural, bem como as perdas de água pele epiderme, por menor capacidade de retenção.

+ Por que sentimos nossa pele repuxar?

Por isso é tão importante procurar um dermatologista: é ele que vai entender o seu tipo de pele e também avaliar o estado em que essa pele se encontra, se está mais dentro do que é considerado normal, se está sensível ou sensibilizada, ressecada ou desidratada.

Falando especificamente por pele seca e desidratada, a principal diferença entre elas é que a primeira tem mais carência de óleo ou sebo, enquanto o estado de pele reflete primariamente a falta de água.

pele seca e sensibilizada

Por que a pele seca repuxa e descama?

Quando a nossa barreira cutânea é alterada por algum fator (clima seco e/ou frio, exposição solar em excesso, stress, água quentesabonete em excesso ou produtos irritantes), há diminuição da produção de lipídeos, e com isso, as células da epiderme (camada mais superficial da pele) perdem a capacidade de reter água. O resultado é uma pele ressecada que repuxa.

+ Por que é tão importante hidratar a pele?

Então, sim, a pele seca repuxa e até descama mesmo. “A descamação é falta de hidratação na camada mais superficial da pele”, esclarece a Dra. Camila. Para refazer essa barreira da pele, a recomendação é uma só, né? Alô, hidratação.

Pele seca envelhece mais rapidamente?

Na verdade, não. “As linhas ficam mais visíveis porque a pele ressecada evidencia mais as rugas, mas não significa que necessariamente é uma pele que envelhece mais rápido”, explica a especialista.

E por que a pele seca evidencia essas linhas? Dra. Monalisa Nunes já explicou: "Gosto de fazer a analogia dessa questão de hidratação e linhas finas com o solo quando está ressecado, que começa a craquelar, diminuir de volume e você consegue ver aquelas rachaduras no chão. Quando você joga água, aquilo se uniformiza e ganha um certo volume. É mais ou menos isso que acontece na pele", afirma a dermatologista.

+ Linhas finas: melhores ingredientes para prevenir e tratar

"Quando a pele está desidratada, as células ficam mais "murchinhas". Principalmente, o que está entre as células, a matriz extracelular, fica mais deficiente. Então, é como se toda a pele ficasse com um volume menor. Isso dá uma sensação tanto de aspereza, quanto uma maior visibilidade das linhas naturais que temos na pele. Elas ficam mais visíveis. Portanto, quando você hidrata essa pele, esse volume aumenta e preenche melhor. A derme fica mais preenchida, a epiderme também. Isso dá visivelmente uma suavização das linhas finas no rosto. A hidratação é super importante por isso", completa ainda.

Pele seca e com acne: existe?

Sim, é claro que existe. A maioria das pessoas que têm acne, principalmente as mais graves, têm um histórico familiar de casos na família. É essa predisposição genética, que influencia em como a pele vai se comportar.

+ 8 mitos sobre a acne: desvendando para aprender a tratar

A Dra. Monalisa Nunes explica melhor: "Ela define se uma pele tem glândulas sebáceas que produzem sebo demais, se é uma pele que tende a produzir mais queratina do que precisa entupindo os poros, ou que tem menos lipídios para protegê-la (predispondo assim infeccções bacterianas), tendo assim uma maior tendência a ser mais inflamada. Essa predisposição genética é a base para que os fatores ambientais sejam mais agressivos nesse tipo de pele”.

São muitos pontos que podem causar acne, mesmo em quem não tem a pele naturalmente oleosa, como alterações hormonais, estresse, fatores ambientais ou externos, agentes infecciosos e o uso de medicamentos. Então, sim, você pode ter uma pele seca e acne.

+ Estresse e acne: por que acontece e como cuidar

E qual a melhor rotina nesses casos? O ideal é procurar um dermatologista para entender o que está acontecendo de fato. A Dra. Camila Rosa indica hidratação, mas com produtos que sejam também indicados para quadros de acne.

Como é a melhor rotina de hidratação?

Aqui vale ressaltar que o que varia não é nem a quantidade ou a frequência da hidratação, mas sim a qualidade dela.

+ Todos os tipos de pele precisam de hidratação?

"Se for uma pele muito seca, por exemplo, a pessoa pode hidratar uma vez ao dia exatamente como uma pele oleosa, mas dependendo do produto não vai ser suficiente. Muitas vezes não é a frequência de hidratação, é o produto que a pessoa está usando. Por outro lado, pode ser necessário aumentar essa frequência. De modo geral é muito mais a potência do produto. Há os que, mesmo em uma pele seca ou madura, conseguem garantir uma hidratação completa durante todo o dia apenas com uma aplicação”, explica a especialista.

A dermatologista costuma recomentar o uso de produtos em forma de creme, pomada, pasta ou manteiga, para ter essa hidratação potente. Porém, nem sempre será necessário aplicar esse hidratante em creme ou pomada duas vezes ao dia, de manhã e à noite.

+ O excesso de hidratação pode ser um problema?

Algumas vezes, uma hidratação mais leve durante o dia e outra bem potente de noite pode ser suficiente, e quem pode lhe ajudar a definir tanto a frequência quanto o produto específico a ser usado é seu dermatologista.

Rotina de skincare: só hidratar?

É claro que hidratar a pele seca é super importante e recomendado, já que o índice de hidratação é muito baixo, exatamente por conta da perda de água.

Porém, uma pele seca também pode ter uma rotina de skincare, assim como todas as outras. Só que sempre pensando em usar produtos indicados para o seu tipo de pele e com ativos gentis, não abrasivos e adstringentes.

Não dá para esquecer que limpar proteger são aliados da rotina diária e de uma pele saudável.

rosácea

Por que lágrima não hidrata?

A gente tem uma comunidade muito criativa e curiosa. Lá do Twitter veio uma pergunta interessante: afinal, por que as lágrimas não hidratam? Com a palavra, a Dra. Monalisa Nunes:

"A pele tem um manto lipídico, então, é basicamente gordura, que faz essa impermeabilização. Então, a água pura não consegue absorver o suficiente para conseguir hidratar as camadas mais profundas e até a epiderme. Se fosse assim, quando a gente tomasse banho, a pele já sairia hidratada e não é assim. Então, a lágrima (ou água puramente), a pele não tem capacidade de absorver. E mesmo o pouco que penetra é rapidamente evaporado", afirma.

Tá pronto para mais dúvidas?

A Dra. Camila Rosa responde ainda mais algumas dúvidas da nossa comunidade. Anota aí:

  • Pele seca deve fazer esfoliação? “Não é necessário, mas caso queira esfoliar, no máximo duas vezes por semana com hidratação após.”
  • Pele seca não pode usar ácidos? “Pode sim, qualquer ácido que tenha indicação, com todos os cuidados necessários!”. Ah, hidratação também é necessária!
  •  Pele seca pode ter relação com o fato de não beber bastante água? “A falta de (ingestão) de água pode piorar um pouco, mas não é o principal motivo.”
  • Quem tem pele seca pode usar produtos com toque seco? “Pode usar toque seco, desde que com ativos mais hidratantes.”
  • Tem tendência a ficar sensível? "Sim, por ter uma barreira cutânea comprometida pela falta de hidratação."

Hidratante Reparador é amigo da pele seca e sensibilizada

Quando o assunto é pele seca (e sensibilizada também), a família Sallve acabou de ganhar um membro que foi idealizado pensando justamente nesse tipo de pele. Prazer, Hidratante Reparador.

Ele é um hidratante múltiplo, não comedogênico, para rosto e corpo. Só ele nutre e acalma peles secas e sensibilizadas, repara danos e restaura regiões extremamente ressecadas.

Uma fórmula que combina ingredientes emolientes e umectantes poderosos, como as ceramidas  e o pantenol, com propriedades calmantes e que auxiliam na reconstrução e cicatrização da barreira da pele.

Além de alfa-bisabolol, com ação anti-inflamatória, calmante e antioxidante, manteiga de karité, que hidrata criando uma barreira e reduz a perda de água, e eletrólitos, para garantir o balanço hídrico da pele. Formulado especialmente para peles sensíveis, secas e ressecadas, mas com benefícios comprovados em todos os tipos de pele.

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

  • Loading