Pele seca: 7 ingredientes amigos (e alguns pra ficar longe)

Pele também sensível? Aquele cheirinho bom pode estar custando caro

Propensa à descamação e vermelhidão, a pele seca precisa de alguns cuidados especiais. O que caracteriza esse tipo de pele é a perda de água em excesso, favorecendo uma barreira cutânea mais frágil.

Tomar banhos longos e com água quente, esfregar demais a pele e até a baixa umidade do ar, podem acabar contribuindo para o ressecamento e a irritação. É claro que, nesses casos, hidratar a pele é super importante e recomendado, já que o índice de hidratação é muito baixo, exatamente por conta da perda de água. Porém, não dá para esquecer que limpar, tonificar e proteger também devem estar na rotina diária.

E tem mais! Algumas vezes, segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, a pele seca pode ser causada por fatores genéticos e hormonais (menopausa e tireoide), e não só por condições climáticas ou radiação ultravioleta, por exemplo. É bom investigar!

O que ajuda?

O ácido hialurônico é umectante e suas moléculas podem armazenar até mil vezes do seu peso em água, ajudando na hidratação imediata, sendo um ótimo ingrediente para a pele seca. As ceramidas também são importantes, por causa da sua capacidade de retenção de água, beneficiando a restauração da pele.

Já a glicerina é um superstar e um dos mais conhecidos ingredientes quando o assunto é hidratação, já que é um umectante natural e atrai a umidade para a pele, ajudando a manter uma aparência saudável e defendendo contra a secura.

Outro bastante conhecido é a ureia. Ainda não é largamente utilizada em produtos de skincare para o rosto, mas é extremamente hidratante, também sendo capaz de extrair água do ambiente para a pele.

Não entre na onda de que tudo o que tem “óleo” no nome deve ser bom para quem tem pele seca. Óleos essenciais, cheios de fragrâncias, podem acabar sensibilizando ainda mais a sua tez, por isso, atenção para o que realmente ajuda. Óleo de coco, amêndoas, argan, girassol, cranberry ou marula são ricos em ácidos graxos e tem propriedades antioxidantes, protegendo contra as agressões ambientais. Além disso, muitos deles têm ação calmante e revitalizante.

Ácido glicólico é um alfa-hidroxiácido (AHA), que pode atuar como um agente aglutinador de água e também como esfoliante, ajudando a eliminar a pele morta e renovando a superfície da pele.

Manteigas, como karité ou cacau, são ótimas opções para nutrir a pele seca. Fornecem uma alta dose de emolientes e podem aumentar a capacidade da pele de prevenir a perda de água. E, como já sabemos, manter a umidade é a chave para interromper o ciclo da pele seca!

O que atrapalha?

Fragrâncias e conservantes são inimigos por estarem entre as principais causas de alergias na pele. Como irritam, podem transformar seu rosto (e corpo!) em uma bagunça, com muita secura, descamação e vermelhidão.

O álcool, principalmente o desnaturado, também não é seu amigo! Muitos produtos têm o ingrediente na sua composição, porque são usados para acelerar o tempo de secagem. O problema é que ele pode causar perda dos óleos naturais da pele, causando ressecamento.

Outro vilão é o peróxido de benzoíla, que ajuda a reduzir as bactérias que podem causar acne. Ele está presente em produtos para limpeza e tônicos (e nem sempre só em cosméticos para pele acneica e oleosa, ok?). A má notícia é que ele pode causar irritação, coceira e descamação.

O ácido salicílico também faz maravilhas por peles com cravos e espinhas, apresentando boas propriedades esfoliantes, mas pode acabar sendo um pesadelo para quem tem pele seca. Os seus efeitos podem ser altamente irritantes. O melhor é usar com moderação.

Vale lembrar: consultar um (a) dermatologista é sempre a opção mais correta e saudável para cuidar da melhor forma possível da sua pele 😎

Tem algum ingrediente que dá mais resultado na sua pele? Alguma dica, dúvida ou sugestão?Fala com a gente 😘

vamos conversar?