#Vivasuapele Waleska Carvalho: rotina básica e consumo consciente

A Waleska Carvalho de Goiás está aqui pra contar a sua revolução na rotina de beleza, guarda-roupas e alimentação.

Foi na parada em Goiás da nossa Turnê Sallve (que está rodando virtualmente todos os 27 estados brasileiros) que conhecemos a Waleska Carvalho, advogada e modelo.

A revolução de Waleska

A história da Waleska com o skincare pode ser muito familiar para grande parte das pessoas. Ela passou de uma fase de zero cuidados com a pele e uso excessivo de maquiagem (sem a preocupação com a limpeza adequada antes de dormir) ao extremo: zero make e muitos cuidados. O resultado, como ela mesma nos contou no nosso bate papo sobre pele, skincare e clima, foi sentir no rosto esse excesso, com a sensibilidade e a escamação da pele.

Instagram @brunello.ph

Foi assim que ela buscou um equilíbrio e começou com o básico de cuidados com a pele: limpeza + hidratação + proteção. E montou uma rotina de beleza mais holística, com pedras, argila e mais produtos naturais.

"Eu revezo nos dias da semana entre o rolinho de jade com hidratante e a pedra gua sha com óleo de coco. Sinto minha pele mais tonificada, não só do rosto: passo a pedra gua sha no colo e no pescoço também, sinto que minhas olheiras melhoraram bastante", conta.

+ Começar a meditar pode ser muito mais fácil (e viciante!) do que você imagina

"Agora entendo mais o que a minha pele precisa. O que posso passar de maquiagem, que é essencial não dormir com ela na pele, que oleosidade não é excesso de hidratação e que é necessário o uso do hidratante. Que não se pode lavar o rosto várias vezes ao dia, mas duas vezes com o limpador certo são suficientes.
Então agora fico nessa linha, menos maquiagens e uso produtos de skincare básicos com composição mais natural", explicou a Waleska.

+ Clean beauty e consumo consciente de beleza com A Naturalíssima

Menos é mais

Essa mudança na rotina de beleza se refletiu também no guarda-roupas de Waleska. Ela entrou em uma fase em que o seu lema é a máxima do arquiteto professor da Bauhaus, Ludwig Mies van der Rohe (1886 - 1969), de que "menos é mais".

"Fiz um limpa no guarda-roupas", inicia a Waleska, "e deixei apenas peças coringas. Descartei tudo que não uso há mais de três meses".
Já vimos aqui no blog o quanto essas limpezas fazem bem. "Antes usava dois espaços do armário e agora só um", conta a modelo.

"Doei maquiagens que não usava e agora mantenho só o básico. Isso também refletiu na minha alimentação, que hoje é a mais natural possível, sem desperdícios e com reaproveitamento de cascas, sementes e outros produtos que costumava jogar fora".

Pra quem precisa de uma orientação nessas horas, se pode encontrar uma série de diferentes teorias de organização. A mais famosa delas é a da Marie Kondo. Mas no caso da Waleska, partiu tudo dela.

"Pra ser bem sincera, nunca assisti nada ou li sobre as técnicas da Marie Kondo. Eu acho que consegui fácil porque meus ideais são bem fortes. Começou com uma vontade e foi se enraizando por questões políticas e sociais também, não adianta eu parar de consumir carne e derivados, se eu não me importo se a minha roupa é feita à base de trabalho escravo, se eu sou consumista e acumuladora…
Eu tinha algumas coisas que não usava mais, mas com valor sentimental, eu coloquei um precinho nelas e me satisfez, outras dei pra amigas próximas que eu sei que vão cuidar e usar, outras eu doei para pessoas que precisam. Acho que a questão é sempre estar convicta da finalidade daquilo, que não é só ter menos, abrir espaço no armário e desapegar, tem um montão de coisas por trás…"

+ Vamos organizar o guarda-roupas

Uma boa proposta para o novo ano que está por vir!

vamos conversar?

mais do blog

buscar

sua sacola

subtotal

Loading
Login efetuado com sucesso!